1 evento ao vivo

Hipoglicemia: o que é e como evitá-la

Redução de açúcar no sangue provoca a hipoglicemia, que tem como sintomas tremores, ansiedade e palpitações. Veja como evitá-la nos treinos e no dia a dia

7 fev 2019
10h54
  • separator
  • comentários

A hipoglicemia é uma diminuição do nível de açúcar no sangue. Os sintomas são diferentes em cada indivíduo, mas têm origens diferentes. Por exemplo, ansiedade, transpiração excessiva, fome, frio e tremores provêm do sistema simpático; e têm os sintomas mais preocupantes, como convulsões, dores de cabeça fortes e visão turva que podem levar à morte, que se manifestam por conta dos baixos níveis de glicose no cérebro.

Hipoglicemia: o que é e como evitá-la
Hipoglicemia: o que é e como evitá-la
Foto: Freepik / Sport Life

Como a hipoglicemia se manifesta?

É muito comum o desconforto causado pela hipoglicemia aparecer se você sai de casa para treinar sem ter comido nada. Passar muito tempo sem fazer uma refeição também favorece o aviso do corpo, que acaba recorrendo a outros estoques para se manter em funcionamento. Pessoas que fazem dietas muito restritivas também estão sujeitas à hipoglicemia e outros problemas, inclusive.

De que forma podemos evitar a hipoglicemia?

A alimentação balanceada é fundamental para manter longe o problema. Ao perceber que vai passar longas horas sem comer, leve uma fruta ou lanche na bolsa. O segredo é manter o organismo sempre ocupado; ao oferecer uma fonte de carboidrato, você terá energia para executar todas as suas atividades.

No caso de uma atividade de longa duração, como um longão no final de semana, certifique-se de levar gel de carboidrato nos treinos que vão além de 1 h de permanência. Dessa forma, você evita a hipoglicemia, que leva à "quebra" do corpo em corridas ou outros esportes de endurance.

Fonte: Dra. Caridad Gimeno Uribes, chefe do departamento de Nutrição e Dietética do Hospital de Quirón de Valencia

Sport Life

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade