PUBLICIDADE

Especial: dê um banho na sua mente

Com meditação, você descobre o mundo que existe dentro de você e limpa o que é desnecessário para, com um grande alívio, dar espaço ao novo

22 dez 2020 13h03
| atualizado em 19/3/2021 às 13h03
Publicidade

Em um monastério distante, no sul da Índia, localizado à beira de um vulcão extinto, encontrei o lugar mais adequado para a meditação. Acordava de madrugada e às 4h30 começava a meditar, ia até o nascer do sol. Mas será que você também precisa largar tudo, ir para um lugar distante e se tornar monge para meditar? A resposta é não.

A meditação é completamente disponível, porque é algo que vem do equipamento humano. Onde quer que esteja, se você levou os seus pulmões e o seu cérebro, você pode meditar. A meditação é controlar o fluxo dos seus pensamentos. Não quero dizer que isso é fácil, mas é muito simples e muito acessível. 

Meditar é fechar os olhos e descobrir o mundo que existe dentro de você
Meditar é fechar os olhos e descobrir o mundo que existe dentro de você
Foto: Juergen Bauer Pictures / iStock

Meditar não é ficar com a mente vazia. Esse estado de mente vazia é muito relaxante, mas é avançado e você não precisa começar por ele. Meditar é fechar os olhos e descobrir o mundo que existe dentro de você. E mais ainda: descobrir que os seus pensamentos são, em grande parte, opcionais. 

Imagine que a nossa mente é uma folha de papel toda rabiscada por vários pensamentos. É difícil ler o que está escrito. É difícil focar. Mas quando meditamos, a folha de papel vai se tornando novamente em branco e o que você escrever ali vai ter um outro efeito. Meditar, portanto, é dar um banho na sua mente para que você volte a ser sua alma e não um monte de fragmentos que pegou por aí. 

Este vídeo reflete sobre o que é ou não meditação e a importância da prática para que você seja você e a verdade prevaleça na sua vida.

Especial: dê um banho na sua mente :

 

Seja Zen com Sat Seja Zen com Sat
Publicidade