PUBLICIDADE

Dores na canela ao correr: saiba como tratar a canelite

Problema é comum entre corredores e precisa de paciência para ser resolvido

22 set 2021 15h08
ver comentários
Publicidade
Dores na canela ao correr
Dores na canela ao correr
Foto: Shutterstock / Sport Life

Sentir dores na canela ao correr é algo que acontece com a maioria das pessoas que praticam atividades físicas. Seja na esteira da academia, na rua, no parque ou jogando futebol com os amigos. O problema pode acontecer por inúmeros fatores, como cansaço, excesso de peso e fadiga. Mas, quando a frequência das dores começa a aumentar, é bom ficar atento. Pode ser o início de uma canelite, a síndrome do estresse medial da tíbia ou periostite.

De acordo com o assessor esportivo, educador físico e pedagogo, Leandro Twin, o problema é relativamente comum entre seus alunos. "Normalmente o público-alvo são as pessoas que se exercitam. Mas pode acontecer também em casos de pessoas que não se exercitam. Elas têm um estresse nessa região [da canela] e isso cria a canelite. Obviamente que pessoas com sobrepeso tem uma chance maior de ter esse tipo de problema", resume.

Principais causas da canelite

De acordo com o Hospital Sírio-Libanês, as dores na canela ao correr acontecem por causa de uma inflamação nos tendões, músculos ou ossos da região tibial. Além da dor aguda, casos mais graves também podem ocasionar inchaços e sensibilidade ao toque, até mesmo na hora de se vestir. Por isso é fundamental ficar atento aos primeiros sinais e procurar ajuda para solucionar o problema. "A parte interna da perna, onde está a tíbia, é uma região de grande sobrecarga devido ao apoio e aos impactos nas corridas e nos saltos", explica o Dr. Arnaldo Hernandez, coordenador geral do Núcleo de Medicina do Exercício e do Esporte do Hospital Sírio-Libanês.  

E não pense que o problema é exclusividade de pessoas sedentárias ou de iniciantes com pouca bagagem de treino. A causa da canelite em pessoas que praticam atividades físicas costuma estar relacionada com o excesso de treino, uso de tênis inadequado para a corrida, impacto constante com terrenos duros - comum para quem corre na rua - e até mesmo a falta de força muscular para suportar o treino.

Prevenção

Por isso, uma das principais formas de evitar dores na canela ao correr é realizar um bom trabalho de musculação e fortalecimento da região tibial. Nesse caso, a orientação de um profissional de educação física é fundamental. De acordo com o Dr. Hernandez, muitos problemas de canelite ocorrem por causa do desequilíbrio físico entre a parte cardiorrespiratória e a estrutura que envolve a canela.

Para o médico, o fortalecimento da região tibial pode demorar um pouco mais do que o condicionamento físico geral e acabar provocando dores. Como forma de prevenção, o especialista também recomenda realizar séries de alongamento e aquecimento antes das atividades físicas.

Tratamento

Para quem sente dores na canela ao correr, uma boa dica para se livrar desse incômodo é alternar ou até mesmo substituir a corrida em si por outra atividade física que não gere impactos para o corpo. Começar a andar de bicicleta ou a nadar podem ser ótimas alternativas para deixar o corpo se recuperar da canelite e, ao mesmo tempo, manter-se em atividade.

Caso a pessoa esteja acima do peso, vale também apostar em estratégias de emagrecimento para diminuir o impacto durante a corrida. Verificar se o tênis utilizado está de acordo com a sua pisada é mais um item que merece atenção. Mas, caso nada disso dê resultados e a canelite insista em te perseguir, o ideal é procurar ajuda médica especializada. Um ortopedista, por exemplo, vai poder realizar um tratamento com anti-inflamatórios e, caso necessário, encaminhar o paciente para a fisioterapia.

Sport Life
Publicidade
Publicidade