PUBLICIDADE

Atriz adere à campanha 'mamaço' e posta foto amamentando

Carolinie Figueiredo compartilhou imagens em que aparece alimentando o filho Theo

23 mai 2014 12h35
| atualizado às 14h46
ver comentários
Publicidade
<p>Carolinie Figueiredo ficou indignada com preconceito contra mães amamentarem em público e censura do Facebook às fotos de amamentação</p>
Carolinie Figueiredo ficou indignada com preconceito contra mães amamentarem em público e censura do Facebook às fotos de amamentação
Foto: Instagram / Reprodução

A atriz Carolinie Figueiredo aderiu à campanha #mamacovirtual nas redes sociais e compartilhou imagens no Instagram amamentando o filho Theo. A atriz criticou a sociedade machista e escreveu que o peito feminino “é fonte de alimento e acolhimento e não apenas sexual como é vendido o tempo todo”. Em uma das fotos, que aparece o seio de Carolinie em close, a famosa questionou o motivo para a foto ser considerada ofensiva pelo Facebook, já que a rede excluiu imagens postadas de mães amamentando seus filhos, situação que ela considerou como motivada por preconceito. 

“Se você deseja amamentar de verdade, deve se cercar, além de informações, de mulheres que apoiam e ajudam. E se isso não vier da própria família há inúmeros sites e grupos de mães ávidas por dividir experiências e auxílio”, escreveu junto a outra imagem. A campanha, que já tem mais 1,2 mil publicações no Instagram, teve início após a modelo Priscila Navarro sofrer constrangimento por amamentar a filha de sete meses no Museu da Imagem e do Som (MIS) durante exposição do cantor David Bowie. Monitores insinuaram que ela deveria ir a um lugar mais reservado para alimentar a filha. 

<p>Carolinie Figueiredo ficou indignada com preconceito contra mães amamentarem em público e censura do Facebook às fotos de amamentação</p>
Carolinie Figueiredo ficou indignada com preconceito contra mães amamentarem em público e censura do Facebook às fotos de amamentação
Foto: Instagram / Reprodução

Situações parecidas já haviam acontecido no Itaú Cultural e no Sesc Belenzinho, neste último, mulheres até organizaram um “mamaço” em forma de protesto. Nos EUA, estudantes da Universidade do Norte do Texas criaram uma campanha com fotos de mulheres amamentando em banheiros, com o objetivo de reforçar o direito de amamentação em público, sem assédios. Nas imagens, uma frase questiona se as pessoas costumam fazer refeições no banheiro. 

<p>Carolinie Figueiredo ficou indignada com preconceito contra mães amamentarem em público e censura do Facebook às fotos de amamentação</p>
Carolinie Figueiredo ficou indignada com preconceito contra mães amamentarem em público e censura do Facebook às fotos de amamentação
Foto: Instagram / Reprodução
Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade