PUBLICIDADE

Ostentação: Jade Picon exibe moletom Balenciaga de R$ 18 mil

12 jul 2022 - 09h39
(atualizado às 11h15)
Ver comentários

Jade Picon já publicou looks com preços razoáveis, incluindo de sua própria marca Jade Jade. Mas também exibe produções com preços inimagináveis para a grade maioria da população brasileira. Nesta segunda-feira (11), postou uma foto com moletom da grife Balenciaga, a mesma que vende tênis já gastos por até R$ 10 mil, que custa nada menos que R$ 17998.

Jade Picon
Jade Picon
Foto: Reprodução/Instagram/@jadepicon / Elas no Tapete Vermelho

Sim, faltam R$ 2 para o preço chegar a R$ 18 mil, na loja online Farfetch do Brasil. Lá, não tem a versão em preto, mas em cáqui por esse valor. Em uma rápida pesquisa por outras lojas virtuais, podemos encontrar peças parecidas que variam de R$ 89,90 a R$ 299,90.

A ex-BBB e futura atriz da Globo completou o look com calça esportiva larga, também de moletom, e óculos de sol com armação prata. A produção é esportiva e tem a pegada comfy, que explodiu durante a pandemia. Mas fica a pergunta: por que usar ostentar peças tão caras num momento em que grande parte da população disputa pele de frango de descarte? E, vamos deixar bem claro, Jade não é a única a exibir looks a preço de ouro nas redes sociais.

Se ela marcou a grife, deve receber para isso, como outros famosos também fazem. Como a própria atividade dela tem o nome de "influenciadora", a garota tem a função de influenciar os outros a querer o look. Ok, então, a atitude mais sensata é se inspirar no look e buscar peças mais em conta. E por que um preço tão alto para um moletom? Porque marcas de luxo vendem não só o produto, mas o valor agregado e é isso que faz com que o consumidor queira usar a peça da marca. Daí, os preços estratosféricos. paga quem quer, não é?

Ou seja, se eu estou usando um Balenciaga, tenho estilo e estou dentro das tendências atuais. Mas no Brasil, onde o preço do litro de leite chega a R$ 10, não deixa de ser uma afronta. E, sim, como a própria Jade colocou na legenda da foto: "Um etzinho passando pelo seu feed". Será que ela veio de outro planeta e não conhece bem a realidade do país, apesar de sua própria marca ser mais acessível? Lembrando: ela não é a única.

Elas no Tapete Vermelho
Publicidade
Publicidade