0

Mulheres podem sentir chute do bebê mesmo após dar à luz

Estudo revelou que esse fenômeno atinge grande parte das mulheres

29 nov 2019
15h11
  • separator
  • 0
  • comentários

Pesquisadores da Universidade Monash, na Austrália, entrevistaram 197 mulheres que já passaram pela gestação para analisar possíveis experiências com "chutes" mesmo após o parto do bebê.

Foto: shutterstock/Irina Zharkova31
Foto: shutterstock/Irina Zharkova31
Foto: Getty Images / Minha Vida

O resultado surpreendeu a todos: 40% das mulheres entrevistadas possuem a sensação de receber chutes na barriga após darem à luz. O número mais surpreendente é que, em média, essa sensação costuma durar por até 6 anos.

Uma das participantes revelou que conviveu com as "pontadas" por 28 anos. De acordo com a pesquisa, quase 20% das mulheres contaram que essa sensação ocorre todos os dias, mas a maioria a sente pelo menos duas vezes por semana.

Consequência emocional

A maior parte das entrevistadas revelou que os chutes despertam emoções positivas, as fazendo se sentir nostálgicas, com sentimentos de conforto. Porém, 27% das mulheres são lembradas de uma época difícil de suas vidas.

Mulheres que enfrentaram violência obstétrica, abortos, parto prematuro e gravidez de risco acabam se sentindo confusas e chateadas quando sentem as pontadas.

"Essas sensações podem causar implicações para a saúde mental das mães durante um período vulnerável", contou o time de pesquisadores em entrevista para o site New Scientist.

Apesar de intrigante, ainda não há estudos ou explicações sobre o motivo que essa síndrome, chamada de "bebê fantasma", possa ocorrer.

Por que o bebê se movimenta dentro da barriga?

Quando estamos em uma posição desconfortável, a tendência é que a gente adeque nossa posição... Certo? Com o bebê acontece a mesma coisa. Ele estica as pernas, braços, vira cambalhota e pode intercalar entre ficar sentado, de cabeça para baixo ou na transversal.

Esse tipo de manifestação costuma acontecer até a trigésima semana. Sendo assim, quando a gestante começa a sentir o bebê agitando dentro da barriga pode significar que ele está intercalando entre uma posição e outra ou dando uma cambalhota.

Por volta da trigésima semana, no entanto, a movimentação se torna menos brusca, mas isso não quer dizer que está mais leve. É nessa hora que você pode começar a sentir aqueles chutes, cotoveladas e manifestações que mostram o quão forte é o bebê antes mesmo de nascer.

Mais sobre gravidez

Desvende nove mitos sobre o parto

Confira como estimular seu bebê ainda na barriga

Entenda o que esperar do trabalho de parto

Minha Vida
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade