0

Iniciar exercícios depois dos 40 anos reduz mortalidade em até 35%

Nunca é tarde para fazer atividade física: veja ainda exemplos de atividades para cada faixa etária

15 abr 2019
13h29
  • separator
  • comentários

Tem mais de 40 anos e acha que já passou da idade para começar a praticar exercícios? Então, é hora de abandonar este tabu. Saiba que quem inicia atividade física na meia idade reduz o risco de mortalidade no mesmo nível que pessoas que se exercitam desde a adolescência.

Nunca é tarde para iniciar atividades físicas - Foto: Shutterstock
Nunca é tarde para iniciar atividades físicas - Foto: Shutterstock
Foto: Foto: Shutterstock / Minha Vida

Os dados são de estudo publicado na revista científica de medicina Jama feito com 315.059 participantes. A redução de mortalidade para todas as causas (incluindo doenças cardiovasculares e câncer) àqueles que se exercitam desde a adolescência foi de 29% a 36%. Já para quem começou a se exercitar depois dos 40 anos, esta taxa sobre para 32% a 35%. Porém, a média entre os percentuais é bastante similar para ambos grupos analisados.

Os pesquisadores afirmam que, apesar da prática de atividade física a longo prazo ser importante para diminuir a mortalidade, há evidências de que se tornar ativo mais tarde na vida adulta (entre 40 e 61 anos) também proporciona benefícios à saúde.

Comece agora mesmo

Não é porque as vantagens são iguais que você deva só pensar em se exercitar após os 40 anos. A Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta que a atividade física em qualquer fase da vida reduz taxas de doenças.

A entidade afirma que pessoas sedentárias têm até 30% mais riscos de morte por doenças do coração e diabetes comparadas a quem faz no mínimo 30 minutos de atividade física por dia, cinco vezes por semana, sejam estas moderadas ou vigorosas. A diferença entre ambos os tipos é que a atividade moderada não acelera tanto os batimentos cardíacos e evita deixar a pessoa ofegante; assim, a vigorosa é mais intensa.

Exemplos de atividades físicas moderadas:

  • Andar rápido
  • Bicicleta (menos de 16 km/hora)
  • Dança
  • Futebol
  • Vôlei
  • Golfe
  • Hidroginástica
  • Canoagem
  • Tênis (em dupla)

Exemplos de atividades físicas vigorosas:

  • Corrida
  • Bicicleta (mais de 16 km/hora)
  • Natação
  • Aeróbico
  • Basquete
  • Tênis (individual)
  • Pular corda

 (Fonte: OMS)

 (Fonte: OMS)

Veja o que a OMS recomenda sobre tempo de atividade física para cada faixa etária:

Para benefícios adicionais, como fortalecimento dos músculos, e maior qualidade de vida, a organização recomenda:

Minha Vida
  • separator
  • comentários
publicidade