4 eventos ao vivo

Meteoros e Superlua: veja agenda de fenômenos para 2018

Confira as datas dos principais fenômenos que acontecem este ano

17 jan 2018
16h05
atualizado às 17h05
  • separator
  • comentários
*Informações obtidas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - Observatório do Valongo 

Principais Fenômenos Astronômicos em 2018

Janeiro

01 - Mercúrio em máxima elongação (horizonte leste, durante a madrugada)
02 - Lua cheia em evento de Superlua
03 - Periélio da Terra (ponto de maior proximidade do Sol)
07 - Conjunção entre Marte e Júpiter na direção leste, durante a madrugada (os planetas estarão separados de apenas 13')
09 - Vênus em conjunção superior
11 - Encontro triplo entre Lua, Marte e Júpiter (leste durante a madrugada)
13 - Conjunção entre Saturno e Mercúrio (direção leste durante a madrugada)
31 - Eclipse lunar total: visível no extremo norte da América do Norte, China, leste da Rússia, oceano pacífico, leste asiático e Austrália. Invisível no Brasil
31 - Planeta anão Ceres em oposição (chances de observação do astro, com binóculos ou telescópios, entre os meses de janeiro e março, na constelação de Câncer)

Fevereiro

11 - Conjunção entre Lua e Saturno (direção leste, visível antes do nascer do Sol)
15 - Eclipse solar parcial (visível na Antártida e Extremo sul da América do Sul. No Brasil, terá visibilidade reduzida, apenas para algumas cidades da região sul)
17 - Mercúrio em conjunção superior

Março

04 - Conjunção entre Mercúrio e Vênus (horizonte oeste, após o pôr do sol)
04 - Netuno em conjunção
07 - Conjunção entre Lua e Júpiter
10 - Conjunção entre Lua e Saturno
19 - Conjunção entre Mercúrio e Vênus
20 - Início do Outono
28 - Conjunção entre Vênus e Urano na direção oeste à tarde (os planetas estarão separados de apenas 4'. O planeta Urano será visível somente com auxílio de binóculos e telescópios)

Saiba quando conferir os principais fenômenos astronômicos em 2018
Saiba quando conferir os principais fenômenos astronômicos em 2018
Foto: Shutterstock / Guia da Semana

Abril

01 - Mercúrio em conjunção inferior
02 - Conjunção entre Marte e Saturno na direção leste durante a madrugada (os planetas estarão separados de 76')
03 - Conjunção entre Lua e Júpiter
07 - Encontro triplo entre Lua, Marte e Saturno (direção leste durante a madrugada)
17 - Conjunção entre Lua e Vênus
18 - Urano em conjunção
22 - Chuva de meteoros Liridas
29 - Mercúrio em máxima elongação (direção leste)

Maio

04 - Chuva de meteoros Eta-Aquaridas
06 - Conjunção entre Lua e Marte
08 - Quatro astros brilhantes em sequência na mesma noite: Júpiter, Saturno, Marte e Lua (visíveis após as 03h)
09 - Júpiter em oposição
12 - Conjunção entre Mercúrio e Urano na direção leste, durante a madrugada (os planetas estarão separados de 144')
17 - Mercúrio em máxima elongação (direção oeste no começo da noite)
27 - Conjunção entre Lua e Júpiter
31 - Conjunção entre Lua e Saturno

Junho

03 - Conjunção entre Lua e Marte
06 - Mercúrio em conjunção superior
19 - Asteroide 4 Vesta em oposição (chance de observação, com binóculos e telescópios, entre os meses de maio, junho e julho. O asteroide estará posicionado na constelação de Sagitário)
21 - Início do inverno
27 - Saturno em oposição
28 - Conjunção entre Lua e Saturno

Julho

06 - Terra no afélio (ponto de maior afastamento do Sol)
12 - Mercúrio em máxima elongação (direção oeste)
13 - Eclipse solar parcial (somente visível em parte da Antártida e extremo sul da Austrália)
16 - Conjunção entre Lua e Vênus
27 - Marte em oposição
27 - Eclipse lunar total (Visível em sua totalidade na Ásia, África, e sul da Europa. No Brasil, o eclipse lunar será apenas parcial, visível em todo território nacional)
28 - Chuva de meteoros Delta-Aquaridas
31 - Marte em máxima aproximação com a Terra (dia ideal para observação)

Agosto

09 - Mercúrio em conjunção inferior
12 - Chuva de meteoros Perseidas
11 - Eclipse solar parcial (A faixa de parcialidade estará disponível apenas para Groenlândia, extremo norte do Canadá, Escandinávia, extremo norte da Rússia e oeste da China)
14 - Conjunção entre Vênus e Lua
17 - Vênus em máxima elongação (direção oeste)
23 - Conjunção entre Lua e Marte
26 - Mercúrio em conjunção inferior

Setembro

07 - Netuno em oposição
10 - Periélio do cometa 21P/Giacobini-Zinner (chance de observação do cometa, com binóculos e telescópios, apenas neste mês. O mesmo estará transitando entre as constelações de Auriga, Gêmeos e Monoceros)
12 - Encontro quádruplo entre Lua, Vênus, Marte e Spica (os astros formarão belo conjunto na direção oeste no começo da noite)
13 - Conjunção entre Lua e Júpiter
21 - Mercúrio em conjunção superior
22 - Início da primavera
25 - Vênus com brilho máximo (direção oeste, no começo da noite)

Outubro

07 - Planeta anão Ceres em conjunção
16 - Conjunção entre Mercúrio e Vênus
18 - Conjunção entre Marte e Lua
19 - Urano em oposição
21 - Chuva de meteoros Orionidas
24 - Urano em oposição
26 - Vênus em conjunção inferior
28 - Conjunção entre Mercúrio e Júpiter (os planetas estarão separados de 187')

Novembro

04 - Encontro triplo entre Mercúrio, Júpiter e Antares, na constelação de Escorpião
05 - Mercúrio em brilho máximo
16 - Conjunção entre Lua e Marte (os astros estarão separados de apenas 60')
16 - Asteroide 3 Juno em oposição (chance para observação, com binóculos e telescópios, entre os meses de outubro, novembro e dezembro. O asteroide estará posicionado na constelação de Eridano)
17 - Chuva de meteoros Leonidas
26 - Júpiter em conjunção
27 - Mercúrio em conjunção inferior
30 - Vênus em brilho máximo (direção leste, durante a madrugada) 

Dezembro

03 - Conjunção entre Lua e Vênus
07 - Conjunção entre Marte e Netuno, na direção oeste, no começo da noite (os planetas estarão separados de apenas 2'. Contudo, Netuno é visível somente com auxílio de telescópios)
12 - Periélio do cometa 46P/Wirtanen (chance de observação do cometa com binóculos e telescópios entre os meses de novembro e dezembro. Em meados de dezembro, o cometa estará transitando entre as constelações de Baleia e Touro
14 - Chuva de meteoros Geminidas
15 - Mercúrio em máxima elongação (direção leste)
16 - Aproximação máxima do cometa 46P/Wirtanen com a Terra (aproximadamente 30 vezes a distância Terra-Lua)
20 - Conjunção entre Mercúrio e Júpiter na direção leste, durante a madrugada (os planetas estarão separados de 52')
21 - Início do verão
29 - Conjunção entre Vênus e o planeta anão Ceres (direção leste, durante a madrugada. O planeta anão Ceres poderá ser visualizado com binóculos)

Guia da Semana

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade