0

O que é dieta pegan: saiba mais sobre esse tipo de alimentação

Saiba mais sobre a dieta pegan, que combina duas outras dietas: veja para quem é indicada e quais alimentos são indicados

18 set 2019
17h21
  • separator
  • 0
  • comentários

Você conhece a dieta pegan? Nunca ouviu falar? Fique tranquilo, o TudoGostoso te explica! Trata-se da combinação entre as dietas paleolítica, a chamada "paleo", e vegetariana! O plano alimentar promete uma perda de peso saudável, além de melhorar a qualidade de vida. Além disso, essa dieta prioriza o consumo de alimentos naturais, excluindo produtos industrializados e muito processados. Saiba mais sobre a dieta pegan a seguir:

Saiba o que é a dieta pegan, a nova tendência alimentar
Saiba o que é a dieta pegan, a nova tendência alimentar
Foto: Shutterstock / TudoGostoso

Como surgiu a dieta pegan

A dieta pegan foi idealizada pelo nutrólogo americano Mark Hyman, que decidiu unir as duas dietas que considerava opostas: a paleo e a vegana. Enquanto a primeira se baseia no consumo de proteínas, sobretudo oriundas de animais, a segunda prioriza legumes, verduras, frutas e grãos. No plano alimentar pegan foi estabelecido o intermédio entre as duas: consumo abundante de frutas e vegetais, mas acompanhado de algumas proteínas animais.

Mas o que pode comer, afinal?

A dieta é composta por 75% por vegetais e frutas e 25% de proteína animal. Das proteínas animais, são permitidos os ovos e peixes frescos. Vegetais em geral, frutas (de preferência de baixo índice glicêmico), oleaginosas (castanhas, amêndoas, nozes, etc), raízes (batata-doce, beterraba, cenoura, etc), grãos integrais (arroz, quinoa, etc), sementes (chia, linhaça, etc), leguminosas (feijão, grão de bico, lentinha, etc), açúcares naturais (melaço, mel, etc), chás e óleos de gorduras boas (coco, abacate, gergelim, etc) são os alimentos que devem ser consumidos. Além disso, deve-se evitar alimentos industrializados e muito processados, optando sempre por alimentos orgânicos, frescos e de estação. Laticínios, açúcares refinados, carboidratos (que não sejam integrais) e alimentos com agrotóxicos e pesticidas também não devem ser consumidos.

Para que é indicada?

A dieta pegan é indicada para quem deseja perder peso de maneira saudável e é indicada quem quer passar por uma reeducação alimentar. Ela prioriza a qualidade do que se come. Além disso, é uma ótima forma de transição para quem quer começar a seguir um regime de alimentação vegano ou vegetariano. O que não se pode esquecer é que, caso tenha interesse em começar este plano nutricional, deve procurar um nutricionista para tirar suas dúvidas e receber as orientações mais adequadas para você.

TudoGostoso
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade