PUBLICIDADE

Ducha com água aquecida e luz colorida relaxa e hidrata pele

17 jan 2014 07h06
| atualizado em 25/2/2014 às 12h11
Publicidade

Terapia sensorial usada para reequilibrar a energia do corpo e melhorar a hidratação da pele, a chamada Ducha Vichy também proporciona relaxamento ao unir os benefícios da água aquecida com os da massagem. Encontrado em spas de todo o Brasil, o tratamento inspirado na cidade francesa de Vichy, que conta com nascentes minerais naturais, é aplicado em um local fechado com vapor para aumentar a sensação de bem-estar.

Na técnica são utilizados jatos de água fixos em uma barra horizontal, estrategicamente posicionados ao longo dos chakras - pontos de energia vital do corpo -, mas que podem ser direcionados conforme a zona a ser trabalhada. A combinação do uso de cosméticos com o líquido melhora o aspecto geral da pele, inclusive sendo eficiente contra os sinais da celulite. “Ocorre o aumento da vascularização dos tecidos, melhorando sua oxigenação, hidratação e nutrição”, afirma Fabiana Hadler, coordenadora do Spa Serena, em Campinas (SP). 

Água e luz na aplicação
Deitado em uma maca especialmente preparada para a técnica, o cliente recebe, inicialmente, uma esfoliação corporal. Grande vedete na ducha, o jato é acionado logo depois, e, simultaneamente, o terapeuta aplica uma massagem relaxante por todo o corpo, que também serve para remover o esfoliante.

“A água deve estar aquecida a aproximadamente 38°C, mas pode ser regulada e alternada com jatos de água fria. Aqui, o cuidado com a temperatura é importante, pois a água muito quente pode causar efeitos prejudiciais à pele”, informa Fabiana. Em cada jato, além do líquido, há um sistema de iluminação multicolorida que complementa o tratamento por meio da cromoterapia, prática que usa as cores na recuperação física.

Sem necessidade de cuidado após sua aplicação, a Ducha Vichy pode ser feita até três vezes por semana. Contraindicada em casos de processos inflamatórios agudos, doenças infecciosas, fragilidade vascular, hemorragias e pressão baixa, ela tem o custo médio de R$ 160 a sessão. 

Publicidade