1 evento ao vivo

Técnica inovadora promete camuflar todos os tipos de estrias

5 mai 2014
08h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Procedimento desenvolvido no Brasil promete acabar com as temidas estrias em poucas sessões indolores
Procedimento desenvolvido no Brasil promete acabar com as temidas estrias em poucas sessões indolores
Foto: Shutterstock

Muito comum em decorrência do crescimento até os 30 anos de idade, do efeito sanfona (para quem ganhou ou perdeu muito peso), ou até mesmo da gravidez, a estria é um problema que assola muitas mulheres, mas, de acordo com uma nova terapia, pode (finalmente) ter seus rastros sobre a pele finalmente suavizados a ponto de se tornarem praticamente invisíveis. 

Uma técnica de micropuntura, recentemente desenvolvida no Brasil  por Vanessa Silveira, dermatologista mestra em micropuntura Fio a Fio 3D, está se tornando uma promessa para o fim das cicatrizes resultantes da ruptura das fibras de colágeno da pele. O método que consiste numa agulha introduzida na pele para estimular o local e acentuar a regeneração do tecido faz com que a produção de fibras aumente na região. Depois de 30 dias após a primeira sessão, a pele permanece avermelhada, momento em que a micropuntura entra em ação para camuflar as estrias de acordo com o tom de pele da paciente. Dessa forma, o branco da estria não aparece, disfarçando totalmente a cicatriz.

De acordo com a médica o procedimento é uma derivação da maquiagem definitiva. “Ela não chega a ser uma tatuagem porque não há aplicação de tinta. O aparelho utilizado para fazer a maquiagem definitiva é o mesmo usado no processo de micropuntura.” O objetivo é estimular o processo de circulação nas estrias e a produção de colágeno. Uma grande vantagem em relação aos demais tratamentos disponíveis é que a técnica pode ser realizada em qualquer parte do corpo.

 A dermatologista garante que o processo não é dolorido. “É aplicada uma anestesia no local, mas mesmo que não fosse, a paciente não sentiria dor porque a agulha é fina”, explica. Nos primeiros 10 dias, a estria pode ficar avermelhada e depois a pele volta ao normal. “Durante esse período é importante aplicar o protetor solar para evitar manchas na pele”, explica a médica.

Cada sessão tem a duração de uma hora e a partir da terceira já é possível notar os resultados. O valor de cada sessão  é de R$ 320. O processo de micropuntura é contraindicado para mulheres gestantes e lactantes (que estão amamentando). 

Veja também:

Tender recheado de Natal
Fonte: Agência Hélice
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade