1 evento ao vivo

Dá para fazer drenagem linfática em casa!

Movimentos suaves podem ser mágicos no combate ao acúmulo de líquidos do seu corpo. Técnica para reduzir medidas, inchaço e celulite

4 fev 2016
11h43
  • separator
  • 0
  • comentários

Parece pouco, mas alguns movimentos suaves podem ser mágicos no combate ao acúmulo de líquidos do seu corpo. Talvez você ainda não saiba o que é drenagem linfática, nem conheça o poder dessa técnica para reduzir medidas, inchaço e celulite.

Massagem ajuda a diminuir medidas e excesso de celulite.
Massagem ajuda a diminuir medidas e excesso de celulite.
Foto: iStock/Getty Images / Vivo Mais Saudável

Saiba mais sobre o processo e veja como recorrer ao tratamento caseiro. Os resultados têm tudo para surpreender você.

Entenda o que é drenagem linfática

Trata-se de uma técnica de estimulação do sistema linfático para que ele trabalhe mais rápido. O resultado prometido é a eliminação também mais veloz de líquidos e de toxinas.

Uma realmente eficaz é feita por um profissional qualificado, formado em Fisioterapia ou em Massoterapia. No entanto, há alguns movimentos suaves que você pode realizar em casa, e que podem ajudar a potencializar os resultados da dieta. Aprenda a seguir.

Drenagem linfática caseira

1. Prepare a pele

Comece a preparação com um banho para limpar a sua pele. Resíduos de cosméticos e o próprio suor devem ser removidos. Os gânglios mais próximos da área do corpo a ser drenada devem estar livres, então faça movimentos circulares nesses locais.

Os das pernas ficam atrás dos joelhos. Os das coxas, na área da virilha. Os dos braços, nas axilas. Os do abdômen, em volta do umbigo. Com o toque, você vai sentir pequenas formas arredondadas sob a pele.

Utilize água morna para promover a vasodilatação. 

2. Diminua o atrito

Escolha um creme ou óleo adequado para seu tipo de pele. Ele vai auxiliar no deslizar das mãos. Ao comprar o produto, você já pode procurar por componentes que intensifiquem os resultados da drenagem linfática. Entre os princípios ativos que ajudam a melhorar a circulação e a combater a celulite estão cafeína, guaraná, centelha asiática e ginkgo biloba.

3. Escolha o ambiente

Prepare um ambiente relaxante para iniciar a massagem. Prefira fazê-la na cama, em posição horizontal. Não se esqueça de incluir uma música calma, em volume baixo.

4. Tenha atenção ao toque

Os toques devem ser realizados de baixo para cima, sempre na direção dos gânglios que foram massageados anteriormente. Há certos movimentos característicos de drenagem linfática, como o bracelete: coloque as mãos em torno da perna ou do braço e arraste-as para cima.

Na região do abdômen, a drenagem é feita com movimentos circulares, com as mãos espalmadas ao redor do umbigo.

É importante lembrar que, nesse tipo de massagem, a força não é importante. O toque deve ser suave e vagaroso. Movimentos circulares com o polegar na direção dos vasos linfáticos, sempre ascendentes, ou movimentos lentos com a mão em forma de conchinha, com leve compressão, são suficientes. Se doer, interrompa o processo.

Os resultados não vão aparecer logo após a primeira sessão. É preciso paciência para começar a desinchar. O ideal é recorrer ao procedimento de duas a três vezes por semana. Uma boa drenagem linfática melhora o organismo e ativa o sistema imunológico.

Vivo Mais Saudável Vivo Mais Saudável, informação que faz bem.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade