0

Crespo ou liso? Veja os cabelos de sucesso de Camila Morgado

29 mai 2014
08h00
atualizado às 10h19
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

É só Camila Morgado surgir na TV em um novo personagem que seu cabelo entra para o time dos mais desejados da televisão. Na Central de Atendimento ao Telespectador, na Rede Globo, chovem pedidos para copiar os looks usados pela atriz, seja loiro, ruivo, crespo ou liso, seus fios são desejados.

Com os fios loiros, anelados e na altura do ombro, a atriz agora é a estrela da minissérie Por isso eu sou vingativa, do canal Multishow. Na trama, Sara é uma mulher cansada de sua rotina e decide mudar o rumo da sua vida planejando uma vingança contra todos os seus ex-namorados. 

Camila, que completou 39 anos no dia 12 de abril tem como tom natural o loiro acinzentado, apesar do ruivo sempre acompanhar as transformações da atriz. A atriz, inclusive, já declarou sua preferência pela tonalidade vermelha e conta que costuma retocar a raiz a cada 20 dias para manter o aspecto ruivo.  

O seu look preferido foi o usado para Malu de Viver a Vida, o ruivo liso chapado. Segundo Camila, se pudesse escolher, gostaria de ter nascido com os fios vermelhos e encaracolados. A personagem Noêmia, de Avenida Brasil, também está na lista de Camila que sentiu quando precisou cortá-los. 

A global costuma hidratar o cabelo com frequência. Como está sempre com química nos fios, ela não descansa e mantem o cuidado constante, inclusive para ajudar na manutenção da cor. Atriz investe quase toda a semana em tratamento de reconstrução capilar à base de queratina.  

Atriz já raspou cabelo por personagem

Camila surgiu na telinha em 2007, na minissérie A casa das Sete Mulheres e, na época, usava o cabelo até a cintura ruivo e todo cacheado. Após a série, a atriz fez uma mudança radical para viver a mulher de Luís Carlos Prestes no filme Olga. Primeiro, ela cortou o cabelo e usou uma tonalidade bem escura. Na sequência, raspou os fios e ficou totalmente careca.

Veja também:

Venezuela: os trabalhadores da saúde com salários de US$ 4 por mês e sem equipamentos de proteção
Fonte: Canarinho Press
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade