PUBLICIDADE

8 dicas cruciais para evitar o agravamento das varizes de uma vez por todas

Entenda a importância de tratá-las e aprenda formas de amenizá-las

20 abr 2021
0comentários
Publicidade
Saiba mais sobre as varizes
Saiba mais sobre as varizes
Foto: Shutterstock / Alto Astral

A saúde da mulher, apesar de muito importante, pode acabar sendo deixada de lado devido ao número alto de tarefas diárias. Na dificuldade de conciliar vida profissional, serviços domésticos e família, muitas brasileiras acabam colocando seu bem-estar em segundo plano e não dando a devida importância a sinais e sintomas. 

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV), as varizes acometem mais as mulheres do que os homens, sendo que 45% do público feminino apresenta a doença. Essas alterações são responsáveis por causar dor e inchaço.

Segundo o médico angiologista João Sahagoff, membro da SBACV do Rio de Janeiro, a explicação para que esse problema esteja mais presente entre elas, é o conjunto de diversos fatores. O primeiro é hormonal, decorrente do estrogênio que altera a parede das veias e pode ser agravado pelo uso do anticoncepcional, especialmente em quem já apresenta "vasinhos". Outra condição que pode influenciar nesse aparecimento é a gravidez, onde há o pico desse hormônio. Por último, mas não menos importante, o surgimento está associado ao excesso de trabalho e tempo em pé, o que agrava o quadro. 

Entretanto, de fato, o que são as varizes? "As varizes são veias superficiais dilatadas e tortuosas que se desenvolvem nos membros inferiores. O surgimento delas tem um fator hereditário importante, e a doença pode ser agravada por certos hábitos de vida.", explica o especialista. 

Além disso, o angiologista relembra que o isolamento social, necessário para o combate da pandemia do coronavírus, aumentou fatores como a falta da prática de exercícios e a obesidade, portanto, os cuidados devem ser redobrados para que isso não favoreça o aparecimento do quadro. 

Confira algumas dicas do médico para evitar o agravamento das varizes:

  • Hidrate-se: beba bastante líquido, além do consumo ideal diário de água;
  • Adote hábitos alimentares saudáveis, evitando alimentos gordurosos e moderando o consumo de sal; opte por saladas e refeições ricas em fibras;
  • Caso use pílula ou injeção anticoncepcional, converse com seu ginecologista junto ao angiologista/vascular para confirmar se este é o melhor método;
  • Em viagens longas, faça pausas para poder movimentar as pernas e pés;
  • Mude seu estilo de vida, buscando ser cada vez mais saudável, deixando de lado o sedentarismo e o tabagismo, por exemplo;
  • Faça caminhadas com exposição ao sol (sempre com proteção adequada contra os raios solares);
  • O uso de medicamentos só pode ser feito sob prescrição e orientação médica;
  • Evite roupas justas e não cruze ou sente sobre as pernas.

O especialista conclui reforçando a importância de ter uma avaliação para obter um diagnóstico correto e, posteriormente, realizar o tratamento e acompanhamento do caso com médico angiologista ou cirurgião vascular. Afinal, apenas eles poderão prescrever remédios adequados ao caso e avaliar a possibilidade de tratamentos complementares ou até mesmo cirurgia. 

Consultoria: João Sahagoff, médico angiologista e membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV-RJ).

Alto Astral
Publicidade
Publicidade