PUBLICIDADE

Ferrari domina o dia de F1 na Hungria. Mercedes fica devendo

Charles Leclerc é o mais rápido no TL2 na Hungria após Sainz liderar primeira sessão. Norris é 2º. Mercedes tem treino discreto

29 jul 2022 - 13h05
Ver comentários
Publicidade
Leclerc no treino livre para o GP da Hungria
Leclerc no treino livre para o GP da Hungria
Foto: Ferrari / Twitter

Assim como no primeiro treino livre, Sebastian Vettel fez questão de puxar a fila. Os pilotos optaram por começar a sessão com pneus médios, em simulações de voltas de corrida. Com 15 minutos passados, todos já tinham completado algumas voltas, sendo 16 dos 20 com os citados pneus médios.

E, com esse composto, a Ferrari se mostrou mais forte. No quarto inicial do treino livre, Charles Leclerc tinha o melhor tempo, com 1min18s991, 0s481 mais rápido que seu colega Carlos Sainz. Logo depois, vinham os dois carros da Red Bull, com Max Verstappen à frente de Sergio Perez. O 5º e o 6º lugar eram ocupados por dois veteranos: Sebastian Vettel e Fernando Alonso.

McLaren foi a supresa positiva do dia
McLaren foi a supresa positiva do dia
Foto: McLaren / Twitter

A Mercedes andou em ritmo mais fraco nessa parte inicial do treino, com Lewis Hamilton e George Russell nos 14º e 15º lugares, respectivamente. Russell foi o primeiro dos pilotos das equipes principais a experimentar os pneus macios na sessão, mas, logo ao abrir sua volta, precisou abortá-la por uma bandeira amarela causada por rodada de Alex Albon, da Williams.

A tabela foi mudando conforme os pneus macios foram sendo colocados para jogo. Leclerc melhorou sua marca para 1min18s445, enquanto Sainz também melhorou, mas viu seu nome descer para 3º na tabela. Isso porque a McLaren se mostrou rápida com os macios, conseguindo colocar Lando Norris em 2º e Daniel Ricciardo em 5º. Verstappen era 4º. Depois desse top 5, novamente o duo veterano de Vettel e Alonso.

Nos minutos finais, as equipes optaram por fazer stints mais longos, com pneus em meia vida e tanque carregado. Com os tempos de volta mais altos, a tabela pouco se alterou. Com isso, Leclerc se manteve com o melhor tempo do treino (e do dia), garantindo a Ferrari no topo das duas sessões de sexta-feira na Hungria.

Hamilton sai dos boxes no treino livre da Hungria: Mercedes foi discreta
Hamilton sai dos boxes no treino livre da Hungria: Mercedes foi discreta
Foto: Mercedes / Twitter

Os 10 primeiros foram: Leclerc, Norris, Sainz, Verstappen, Ricciardo, Alonso, Vettel, Russell, Perez e Bottas. Hamilton foi apenas o 11º. A Mercedes dá amostras de estar pouco competitiva na Hungria, abaixo até da McLaren e, talvez, da Alpine. Tanto Hamilton quanto Russell reclamaram de dificuldades com o carro, que se mostrou arisco na sinuosa pista húngara.

Certeza mesmo, teremos nos próximos dois dias. No sábado (30), acontecem o TL3, às 08h, e a classificação, às 11h. A corrida é no domingo (31), com largada às 10h.

Parabólica
Publicidade
Publicidade