PUBLICIDADE

Audi revela A6 e-tron, um sedã elétrico com pinta de cupê

Com alcance de 700 km e 476 cv de potência, conceito Audi A6 e-tron antecipa linhas dos próximos modelos elétricos da marca alemã

20 abr 2021
0comentários
Publicidade
Audi A6 e-tron antecipa visual dos próximos modelos elétricos da Audi.
Audi A6 e-tron antecipa visual dos próximos modelos elétricos da Audi.
Foto: Audi

A Audi revelou seu novo conceito A6 e-tron. Apresentado no Salão de Xangai (China), que acontece entre os dias 21 e 28 deste mês, o modelo antecipa as linhas do próximo sedã elétrico da marca alemã. Com planos de lançar pelo menos 20 carros de emissão zero até 2025, a Audi vem focando as atenções em sua linha e-tron, que já conta com os SUVs e-tron, e-tron Sportback, Q4 e-tron e Q4 e-tron Sportback, e o esportivo e-tron GT.

Por fora, o Audi A6 e-tron antecipa as linhas dos futuros modelos da marca, em especial a nova geração do sedã A6 e do cupê A7. O conceito conta com carroceria de perfil cupê, parecida com o conceito aplicado pela Mercedes no modelo EQS. A grade Singleframe conta com design fechado e formato trapezoidal, ocupando grande parte da dianteira do A6 e-tron. Medindo 4,96 m de comprimento, 1,96 m de largura e 1,44 m de altura, o Audi A6 e-tron conta com um coeficiente de aerodinâmica de apenas 0,22.

Os faróis de design fino são de oled e contam com uma evolução da tecnologia Matrix utilizada nos carros atuais da marca alemã. Logo abaixo deles, há duas entradas de ar laterais, que servem para a refrigeração das baterias. Na lateral, o modelo conta com linha de cintura alta, e há um vinco marcante na parte inferior, que conta com um acabamento na cor preta. Na traseira, o Audi A6 e-tron traz lanternas integradas de led, que percorrem a traseira do carro de ponta a ponta e incluem até o logotipo da Audi como brake-light.

Traseira do Audi A6 e-tron conta com lanternas de led matricial interligadas.
Traseira do Audi A6 e-tron conta com lanternas de led matricial interligadas.
Foto: Audi

Construído sob a plataforma modular elétrica PPE (Premium Platform Electric), o novo Audi A6 e-tron é o primeiro modelo do Grupo Volkswagen a utilizar a nova base que será aplicada aos carros elétricos premium das marcas Porsche, Audi e Bentley. De acordo com Audi, o diferencial da PPE é a possibilidade de construir SUVs e sedãs na mesma base, que pode ser trabalhada com diferentes alturas de assoalho.

No caso do Audi A6 e-tron, a plataforma acomoda uma bateria de 100 kWh e conta com arquitetura 800 volts. Com isso, o conceito é compatível com carregamento rápido em uma corrente contínua de até 270 kW. Isso possibilita recarregar a bateria até 80% em apenas 25 minutos, um número impressionante para carros elétricos atuais e bem próximo do tempo de abastecimento de carros a combustão. Segundo a Audi, a autonomia do modelo fica em torno de 700 km com uma carga completa.

Em relação ao desempenho, o Audi A6 e-tron é equipado com dois motores elétricos, um em cada eixo. Em conjunto, eles oferecem 476 cv de potência e 800 Nm de torque. Sempre com tração integral, o conceito acelera de 0 a 100 km/h em menos de 4 segundos, segundo a Audi. Para a versão de produção, são esperadas configurações com um ou dois motores atuando em diferentes faixas de potência e autonomia.

Carroceria do Audi A6 e-tron conta com perfil cupê e coeficiente aerodinâmico de apenas 0,22.
Carroceria do Audi A6 e-tron conta com perfil cupê e coeficiente aerodinâmico de apenas 0,22.
Foto: Audi

Por enquanto, a Audi não divulgou imagens do interior do novo A6 e-tron. No entanto, é possível afirmar que ele terá as principais tecnologias da montadora alemã, incluindo o painel de instrumentos digital, a central multimídia MMI e o head-up display com realidade aumentada que estreou no Q4 e-tron. Ainda sem data oficial de lançamento, a versão de produção pode chegar até 2022.

Guia do Carro
Publicidade
Publicidade