1 evento ao vivo

Tidal é vendido para empresa do CEO do Twitter por US$ 297 milhões

Serviço de streaming do rapper Jay-Z, Tidal será controlado pela Square, empresa de serviços financeiros de Jack Dorsey

4 mar 2021
18h29
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Tidal, serviço de streaming do rapper Jay-Z, foi vendido para a Square, empresa de soluções financeiras do CEO do Twitter, Jack Dorsey. O negócio se tornou público nesta quinta-feira (4) e deverá ser concluído até o segundo trimestre de 2021. O acordo envolve o pagamento de US$ 297 milhões por uma "participação majoritária significativa".

Tidal será controlado pela Square
Tidal será controlado pela Square
Foto: Divulgação / Tecnoblog

No Twitter, Dorsey destacou que a Square oferece serviços de pagamento para pequenos lojistas e o Cash App, uma ferramenta da empresa, faz algo parecido para consumidores. Segundo o executivo, a empresa usará sua experiência de cerca de 12 anos no setor para criar formas de apoiar o trabalho de artistas parceiros do Tidal.

"Tudo se resume a uma ideia simples: encontrar novas maneiras para artistas financiarem seus trabalhos. Novas ideias são encontradas nas interseções, e acreditamos que existe uma convincente entre música e economia. Fazer a economia funcionar para os artistas é semelhante ao que a Square fez para os vendedores", afirmou.

Dorsey indicou que o Tidal terá ferramentas para artistas como a Square fez com lojistas. O plano para o serviço de streaming inclui a criação de experiências para aproximar fãs, de integrações para venda de produtos, de ferramentas de colaboração e de novas fontes de receita para artistas.

"Dado o que a Square tem sido capaz de fazer por vendedores de todos os tamanhos e indivíduos por meio do Cash App, acreditamos que agora podemos trabalhar para que os artistas tenham o mesmo sucesso para eles e para nós. Vamos começar pequeno e nos concentrar nas necessidades mais críticas dos artistas e em aumentar suas bases de fãs", adiantou Dorsey.

Jay-Z e Jack Dorsey
Jay-Z e Jack Dorsey
Foto: Reprodução/Twitter / Tecnoblog

Jay-Z vai integrar conselho da Square

O Tidal foi criado em outubro de 2014 e, no início de 2015, foi comprado por uma empresa de Jay-Z por US$ 56,2 milhões. Agora, mesmo com a venda, o rapper seguirá próximo do serviço de streaming. Isso porque ele fará parte do conselho administrativo da Square e participará das decisões ligadas à plataforma e a outros serviços da empresa.

"Os artistas merecem as melhores ferramentas para ajudá-los em sua jornada criativa. Jack e eu tivemos muitas discussões sobre as possibilidades infinitas do Tidal que me deixaram ainda mais inspirado sobre seu futuro", afirmou Jay-Z.

Com informações: Square.

Tidal é vendido para empresa do CEO do Twitter por US$ 297 milhões

Veja também:

LG abandona mercado de smartphones
Tecnoblog
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade