PUBLICIDADE

Tele chinesa registra filha de fundador como marca registrada

"Princesinha da Huawei", Annabel Yao, é bailarina e graduada em Harvard.

14 nov 2021 07h30
ver comentários
Publicidade
Marcas cobriam o nome real da mulher, Yao Siwei, e seu nome artístico, Yáo Ānnà
Marcas cobriam o nome real da mulher, Yao Siwei, e seu nome artístico, Yáo Ānnà
Foto: Instagram / Reprodução

A gigante das telecomunicações da China Huawei Technologies Co. registrou como marca registrada o nome da filha mais nova de seu fundador, Ren Zhengfei, Annabel Yao, para evitar que as empresas usem "indevidamente" seu nome enquanto ela inicia carreira no entretenimento.

Os resultados da pesquisa em plataforma chinesa de registro de empresas e marcas registradas mostraram que as autoridades aprovaram as marcas registradas em nome da “Princesinha”.

Eles cobriam o nome real da mulher, Yao Siwei, e seu nome artístico, Yáo Ānnà, em mais de 20 classes de bens e serviços, como jóias e máquinas.

A decisão foi criticada por pessoas que consideraram o caso um exemplo das vantagens desfrutadas pelos ricos e poderosos.

Em janeiro deste ano, Yao anunciou o início de um negócio de entretenimento em um documentário de 17 minutos.

Chamando a si mesma de uma “princesa que quebra as regras”, Yao assinou contrato com a TH Entertainment, de Pequim, como artista de entretenimento e lançou seu primeiro single pop logo depois.

Bailarina aprovada no exame de balé de alto nível da Royal Academy of Dance da Grã-Bretanha aos 15 anos de idade e graduada em Harvard, ela recebeu opiniões divergentes por seu esforço no show business.

Homework Homework
Publicidade
Publicidade