PUBLICIDADE

Converse com seus filhos sobre as redes sociais

O bate papo é a chave para a segurança

18 out 2021 17h00
ver comentários
Publicidade

As redes sociais são uma parte importante da vida diária de todos nós e assim serão para nossos filhos. Na verdade, eles já estão inseridos nelas, se formos contar com a infinidade de plataformas projetadas detalhadamente para este público infanto-juvenil ou versões de apps somente para as crianças. Enquanto usem de ferramentas mais seguras e monitoradas tudo bem, mas o momento da transição vai acontecer e para que ele seja tranquilo existem coisas que os pais e responsáveis podem e devem fazer para nortear este salto quando o ambiente forem as reais redes, aquelas feitas para os adultos, cheias de pegadinhas e armadilhas. Algumas dicas podem ser dadas antes dos pequenos entrarem em contato com as grandes plataformas, como Facebook ou Tik Tok, por exemplo. Vamos lá... A primeira de todas as lições é sobre o compartilhamento de conteúdo. Tudo deve ser pensado em como o material vai refletir no futuro. Simples assim. Pode parecer bobo, mas não é. Em seguida e não menos importante, é a de não falar com estranhos. Não é porque estamos atrás de telas e dispositivos que ficamos mais protegidos e inalcançáveis. Pelo contrário...o rastreamento pode até ser mais fácil por aí...O termo conhecido como ‘grooming’- que é a palavra para descrever a abordagem de pessoas fazendo amizade com crianças na rede com segundas intenções- já foi abordado em vários filmes e acontece muito por aí na vida real.  Outra dica valiosa é a configuração sagrada de privacidade!! Se nós adultos, somos displicentes com isso, imaginem os adolescentes, então!! Vamos culturalmente ajudar nesta reeducação e colocar na cabeça da futura geração o quanto é importante ter senso de responsabilidade com seus dados. Estar com eles sempre atualizados é lei. Muitas redes sociais já oferecem ferramentas que permitem ao usuário revisar as configurações com o aviso “ verificação rápida da privacidade”. O interessante é que com isso você consegue ver através dos olhos de diferentes tipos de espectadores – de amigos a estranhos – e definir o que quer compartilhar e com quem quer dividir suas informações e postagens.

Foto: Divulgação

  Uma esmagadora maioria, cerca de 80% dos australianos, acreditam que as escolas devem assumir a liderança no ensino de nossas crianças sobre segurança online. Mas a gente não precisa ir tão longe... Afinal de contas, com a pandemia do Covid-19 e as atividades virtuais em número cada vez mais crescente, a vida familiar e a online se cruzam a todo momento. Ter na sala de aula uma parceira para esta educação é de fato animador e importante. Reforce o bem estar digital em casa independente do que a escola faz no momento. Uma hora a gente chega lá. Não espere os outros fazerem por você. No lar também tenha mais segurança e olhe os pacotes do Terra Antivírus. Fique seguro.

McAfee Network Associates Inc. © Copyright 2020.  Todos os Direitos Reservados.
Publicidade
Publicidade