0

Rupert Murdoch não deve oferecer concessões em acordo por Sky, diz fonte

13 jul 2017
17h42
atualizado às 18h24
  • separator
  • comentários

É pouco provável Rupert Murdoch ofereça qualquer nova concessão para proteger a independência editorial da emissora Sky, aumentando as chances de que um acordo de aquisição de 15 bilhões de dólares desencadeie uma longa investigação, disse uma pessoa familiarizada com o assunto.

Rupert Murdoch com uma de suas filhas no centro de Londres
14/06/2017 REUTERS/Hannah McKay
Rupert Murdoch com uma de suas filhas no centro de Londres 14/06/2017 REUTERS/Hannah McKay
Foto: Reuters

A Twenty-First Century Fox de Murdoch foi impactada por um forte golpe no mês passado, quando a secretária de mídia do Reino Unido, Karen Bradley, disse estar convencida de que o acordo poderia dar ao empresário muita influência sobre a imprensa, depois que o órgão regulador Ofcom avaliou o impacto da transação.

Murdoch também é dono dos jornais Sun e Times no Reino Unido.

Bradley disse que poderia tomar uma decisão final em 14 de julho, dando a alguns investidores esperança de que a Fox possa evitar uma investigação completa caso ofereça concessões para proteger a independência editorial do canal de notícias da Sky, o Sky News.

Uma pessoa familiarizada com o assunto disse ser pouco provável que a companhia ofereça qualquer nova concessão, optando, em vez disso, por permitir que o regulador de concorrência examine o acordo.

Murdoch e sua família há tempos querem comprar o controle total da Sky, apesar do fracasso de uma tentativa em 2011.

A Fox disse que qualquer investigação aprofundada poderia significar que o acordo não seria fechado antes de junho do ano que vem. Ambas as empresas se recusaram a comentar.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade