3 eventos ao vivo

Pompeo adverte aliados de que uso de equipamentos da Huawei dificulta parceria com os EUA

11 fev 2019
20h21
  • separator
  • 1
  • comentários

O secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, advertiu aliados dos Estados Unidos nesta segunda-feira contra o uso de equipamentos da gigante de tecnologia chinesa Huawei, dizendo que isso pode dificultar alianças com Washington.

Imagem da Huawei em 3D à frente da bandeira dos Estados Unidos. 29/1/2019. REUTERS/Dado Ruvic/Illustration
Imagem da Huawei em 3D à frente da bandeira dos Estados Unidos. 29/1/2019. REUTERS/Dado Ruvic/Illustration
Foto: Reuters

Os Estados Unidos e seus aliados ocidentais acreditam que os equipamentos da Huawei podem ser usados para espionagem da China, e vêem a expansão da companhia na Europa central como uma maneira de estabelecer uma base no mercado europeu.

Washington está particularmente preocupado com a expansão da Huawei, a maior fabricante de equipamentos de telecomunicações do mundo, na Hungria e na Polônia.

"Queremos ter certeza de que identificamos para eles as oportunidades e os riscos de usar esse equipamento", disse Pompeo durante visita à capital da Hungria, Budapeste.

A Hungria é a primeira parada de uma viagem de Pompeo pela Europa central, que também inclui passagens pela Eslováquia e pela Polônia, como parte do que autoridades do governo dizem ser um esforço para compensar uma falta de engajamento dos EUA na região que abriu a porta para maior influência chinesa e russa.

A Huawei nega realizar trabalho de inteligência para qualquer governo. A companhia diz que suas tecnologias servem 70 por cento dos húngaros e que coopera com a maior parte dos fornecedores de telecomunicações da Hungria, incluindo com empresas estatais.

"Temos visto isso por todo o mundo, isso também torna mais difícil para os EUA estarem presentes", disse Pompeo a repórteres durante parada na embaixada dos EUA, em referência aos equipamentos da Huawei. "Se esse equipamento está onde temos importantes sistemas norte-americanos, isso torna mais difícil para nós nos aliarmos ao lado deles".

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 1
  • comentários
publicidade