PUBLICIDADE

Plágio? Truth Social de Donald Trump seria baseada em código de outra rede

A Truth Social, de Donald Trump, prevista para lançar apenas em 2022, aparentemente faltou com a verdade e plagiou o código fonte da rede social Mastodon

22 out 2021 20h44
ver comentários
Publicidade

A nova rede social de Donald Trump, Truth Social, mal foi lançada e já enfrenta uma possível acusação de plágio. A plataforma do ex-presidente americano está baseada em uma fonte de código aberta, criada por outro site, o Mastodon. Contudo, em seu termo se uso, a Truth afirma que todo o código-fonte é de propriedade exclusiva da rede, o que esbarra na licença para usá-lo.

Truth Social, de Donald Trump, plagiou o código-fonte de outra rede social
Truth Social, de Donald Trump, plagiou o código-fonte de outra rede social
Foto: Gage Skidmore/Flickr / Tecnoblog

Truth Social copiou mensagem de erro e código HTML

O fundador e desenvolvedor do serviço copiado contou à Vice que a Truth Social é "totalmente baseada no Mastodon". Eugen Rochko apontou que a mensagem de erro da rede social é idêntica à que aparece para usuários de sua plataforma. Ela inclusive mostra o logo do Mastodon — que é um mastodonte, claro — em vez de uma marca própria.

Alguns usuários conseguiram criar contas antecipadamente na plataforma de Donald Trump, com lançamento programado para 2022. Essas pessoas tiraram prints da página da Truth Social, e eles mostram que, afinal, a rede social tem uma interface igual à do Mastodon. Em uma das fotos tirada por alguém que resolveu abrir o código de HTML da página, aparece que o tema da página foi "emprestado".

A proposta do Mastodon é ser justamente uma rede social de código aberto — ela quer que outras pessoas usem ferramentas para criar suas próprias redes sociais. E a plataforma tem um feed parecido com o Twitter. Não à toa, a internet pensou que a Truth Social era uma cópia barata da rede de 240 caracteres.

Mas ao mesmo tempo que o Mastodon é uma alternativa às redes sociais das chamadas big techs, ela atraiu nazistas e a extrema-direita. Uma plataforma que usou o código aberto da plataforma foi a Gab, conhecida por abrigar fóruns de extremistas.

Em resposta à Gab, o Mastodon publicou uma nota na qual se posicionava contrário ao projeto e filosofia da Gab, cuja estratégia envolve ganhar dinheiro enquanto hospeda conteúdos racistas, se escondendo atrás da bandeira da liberdade de expressão.

"Código-fonte é nosso", diz rede social de Trump

A Truth Social esclarece em seu site que é uma plataforma que encoraja o diálogo aberto, livre e global sem discriminação de ideologias políticas. Em comunicado, Trump mencionou que, ao fundar sua própria rede social, queria lutar contra a tirania das big techs. O ex-presidente foi banido de basicamente todas as grandes plataformas, incluindo Twitter e Facebook.

Os termos de uso da Truth revelam, contudo, que a rede social não tolera usuários que "depreciam, maculam ou ofendam" o site ou seus criadores.

Um trechos da página também afirma que "todos os códigos fonte usados na Truth são propriedade da rede social". Mas isso pode acabar esbarrando na licença aberta do Mastodon.

Rochko contou à Vice:

"O principal é que o Mastodon é um software livre, lançado sobre a licença pública (AGPLv3), então qualquer um pode usá-lo — desde cumpram com a licença. O principal do acordo é tornar o código-fonte e qualquer modificação a ele aberta ao público."

Mas se a Truth diz que o código é dela, "isso é um problema porque viola completamente a licença", diz o fundador do Mastodon. Ele conclui: "se vale de alguma coisa, eu não suporto o Trump".

O Trump Media Technology Group (TMTG) não comentou sobre as falas de Rochko ou sobre as alegações de plágio.

Com informações: Vice

Plágio? Truth Social de Donald Trump seria baseada em código de outra rede

Tecnoblog
Publicidade
Publicidade