PUBLICIDADE

O que é uma fintech? 7 exemplos brasileiros

Dinheiro tecnológico; descubra o que é uma fintech e quais exemplos o Brasil está produzindo neste ramo muito lucrativo

9 set 2021 10h47
ver comentários
Publicidade

Focadas na otimização tecnológica de recursos financeiros, focadas em empresas ou usuários finais. Veja abaixo, o que é uma fintech e conheça 7 exemplos brasileiros de iniciativas que estão atuando nesse mercado promissor e altamente lucrativo das operações financeiras feitas por meios tecnológicos.

O que é uma fintech?
O que é uma fintech?
Foto: Austin Distel/Unsplash / Tecnoblog

Índice

  • Se refere a título ou função?
  • Como as fintechs funcionam?
  • 7 exemplos de fintechs brasileiras
    • Nubank
    • Creditas
    • Quinto Andar
    • Stone
    • XP Investimentos
    • Youse
    • PagSeguro

Se refere a título ou função?

As empresas que possuem a nomenclatura de fintechs, a recebem devido sua função e objetivo junto ao mercado, não por serem "tecnológicas".

Tecnologia financeira (fintech) é um termo usado para descrever uma nova tecnologia que busca melhorar e automatizar a entrega e o uso de serviços financeiros. 

Basicamente, a fintech é utilizada para ajudar empresas, proprietários de negócios e consumidores a gerenciar melhor suas operações financeiras, processos e dia a dia, utilizando software com algoritmos especializados, em computadores e, cada vez mais, nos smartphones. Fintech, a palavra em si, é uma combinação entre "tecnologia e financeiro". 

Como as fintechs funcionam?

Quando as fintech surgiram no início do século, o termo foi aplicado à tecnologia empregada nos sistemas de back-end de instituições financeiras já conhecidas. Desde então, houve uma mudança para serviços mais orientados ao consumidor e, portanto, uma definição mais orientada com este foco. 

A fintech agora inclui diferentes setores e indústrias, como educação, banco de varejo, arrecadação de fundos, organizações sem fins lucrativos e gestão de investimentos, citando somente alguns. 

As fintechs também incluem o desenvolvimento e o uso de criptomoedas como o bitcoin. Embora esse seja o segmento de fintech que receba mais manchetes, o dinheiro ainda está no setor bancário global tradicional e em sua capitalização de mercado, com vários trilhões de dólares.

7 exemplos de fintechs brasileiras

Nubank

Um dos maiores expoentes do mercado brasileiro, o Nubank já conta com diversos serviços bancários, crédito pessoal, entes jurídicos, empreendedores e carteira de investimento. 

O banco digital surgiu em 2013, com uma proposta inovadora em relação aos bancos tradicionais, funções financeiras sem taxas para os usuários.

O Nubank trouxe diversas formas de inovação, permitindo aos usuários gerenciar o dinheiro de forma ágil, simples e segura. Entre os destaques temos um app amigável, comunicação simples, cartão de crédito por aproximação.

Nubank é a fintech mais conhecida no Brasil
Nubank é a fintech mais conhecida no Brasil
Foto: Nubank/Divulgação / Tecnoblog

Creditas

Um exemplo de fintech paulistana, focada em oferecer empréstimos com juros mais baixos, além de prazos maiores para pagamento. A característica principal é exigir garantias físicas reais para os empréstimos como, carros ou imóveis quitados. Resumindo, uma hipoteca. 

Quinto Andar

Saindo um pouco das finanças clássicas, essa fintech tem por objetivo facilitar os trâmites entre locatário e locadores de imóveis. Em um extremo, ajuda os proprietários a alugarem seus imóveis sem burocracia e com mais lucratividade. Na outra ponta, ajuda quem busca um novo lugar para morar a achar o aluguel que cabe no orçamento.

Stone

Nem só de pix vive o mercado, a Stone é uma fintech de meios de pagamento no Brasil. A fabricante e credenciadora fornece máquinas de cartões para inúmeras bandeiras - atuando em operações de cartão de crédito, débito e voucher.

Stone é a fintech líder em máquinas de pagamentos
Stone é a fintech líder em máquinas de pagamentos
Foto: Stone/Divulgação / Tecnoblog

XP Investimentos

Essa fintech é uma corretora de valores nacional, já sendo considerada uma das maiores corretoras independentes do Brasil. Há muitos anos no mercado e quase 2 milhões de clientes ativos, a empresa está focada em se tornar a maior fintech do mundo.

XP Investimentos já tem mais de 18 anos no mercado
XP Investimentos já tem mais de 18 anos no mercado
Foto: XPI/Divulgação / Tecnoblog

Youse

A vida não tá fácil, então precisamos de seguros. A Youse oferece seguros automotivos, residencial e de vida com preços mais acessíveis. As Simulações dos seguros são feitas de forma online na Youse, o cliente escolhe as coberturas e assistências que quiser. 

Por consequência, conforme os serviços são acrescentados ou retirados, o valor mensal a ser pago é calculado para o cliente. O usuário só paga pelo que pretende usar efetivamente.

A Youse trabalha com seguros customizáveis e digitais
A Youse trabalha com seguros customizáveis e digitais
Foto: Youse/Divulgação / Tecnoblog

PagSeguro

Todo mundo pergunta se pode ser feita a transação através do PagSeguro, em um mundo de consumo digital, a fintech passou de atividade extra para necessidade comercial. 

O PagSeguro é outra das maiores fintechs do Brasil e, como citamos antes, um dos meios de pagamento mais conhecidos no país. A plataforma possui inúmeras funcionalidades, mas seu foco principal é a segurança nas transações, sejam elas vendas online ou offline.

Com informação: The Street, Investopedia.

O que é uma fintech? 7 exemplos brasileiros

Tecnoblog
Publicidade
Publicidade