PUBLICIDADE

Notebooks da Dell têm desempenho limitado ao usar fonte genérica de energia

Usar fontes de energia não originais em notebooks da Dell pode limitar o uso do processador, segundo relatos de usuários em fóruns especializados

19 mai 2022 19h13
ver comentários
Publicidade

Usuários de notebooks da Dell têm reclamado que seus computadores ficam com desempenho limitado, mesmo conectados à tomada e sendo equipados com SSD. No TikTok, o usuário Tib Barreto (@tibbarreto) classificou o problema como "crise dos 29", pois as máquinas costumam restringir o uso do processador em 29% do seu poder total, quando identificam o uso de uma fonte genérica de energia.

Dell XPS 13 de 2020
Dell XPS 13 de 2020
Foto: Tecnoblog / Tecnoblog

Há diversas causas por trás da limitação de desempenho em processadores. Entre as mais comuns estão BIOS da placa-mãe desatualizada, modos de economia de energia mal configurados, defeitos físicos nos componentes eletrônicos e problemas na bateria ou na alimentação da máquina.

Quando esses "engasgos" ocorrem, o computador não consegue atingir seu desempenho máximo, mesmo com muita energia disponível. Em fóruns da Dell e do Adrenaline, por exemplo, diversos usuários já relataram que o clock de seus processadores ficam travados em valores de GHz bem abaixo do indicado pela fabricante.

Algumas pessoas, inclusive, explicaram que os travamentos acontecem mesmo com o notebook conectado à tomada e em modo de alto desempenho. Nessas condições, o correto seria o computador entregar o máximo de performance possível, porém não é o que acontece.

Na maioria dos relatos recolhidos pelo Tecnoblog, os engasgos atingem notebooks da linha Inspiron, equipados com processadores Intel Celeron, Core i3, Core i5 e Core i7 de quarta, quinta e sexta gerações.

Crise dos 29 é causada pela bateria do notebook

A crise dos 29 citada por Barreto, em específico, limita o processador dos notebooks Dell em 29%. Em um computador equipado com Intel Celeron 3215U, com clock de 1,70 GHz, somente 0,49 GHz ficam disponíveis para uso. Assim, o sistema operacional engasga e trava, mesmo sendo instalado em um SSD.

Segundo Barreto, o problema acontece quando a bateria do notebook esgota por completo ou o usuário utiliza uma fonte de alimentação de energia diferente da original fornecida pela Dell. Em ambos os casos, a BIOS da placa-mãe não reconhece que o computador está recebendo energia suficiente e limita o processador.

Assista ao TikTok em que Barreto explica o problema na íntegra:

https://www.tiktok.com/@tibbarreto/video/7089172849428106501?is_from_webapp=1&sender_device=pc&web_id=7040138766883390982

O Tecnoblog procurou a Dell para saber as causas exatas da tal crise dos 29, mas a fabricante disse nunca ter ouvido falar do problema antes. Em comunicado, a empresa comentou o seguinte:

"Esta é a primeira vez que ouvimos sobre isso e até o momento não havíamos recebido nenhuma reclamação semelhante de nossos clientes. Se um consumidor acredita que seu Inspiron não está funcionando corretamente, indicamos que entre em contato com nossos canais de suporte oficiais (abaixo) para que possamos investigar.

Gostaríamos também de reforçar que o uso de uma bateria ou fonte de alimentação de terceiros ou que não seja da Dell pode afetar o desempenho do equipamento e apresentar riscos a funcionalidade e segurança do notebook."

Dell.

Vale mencionar que, apesar de não reconhecer a limitação do processador causada por carregadores genéricos, a Dell não é a primeira empresa que recebe reclamações desse tipo.

A Apple, por exemplo, já foi alvo de críticas por supostamente reduzir de maneira proposital o desempenho de MacBooks carregados por meio de fontes não originais.

ThrottleStop promete acabar com engasgos

Para os usuários que querem desbloquear o limite do processador, Barreto recomenda instalar um software chamado ThrottleStop. Esse programa pode ser usado não só para consertar a crise dos 29 em notebooks da Dell, como também resolver outros problemas de travamento relacionado ao processador.

Basicamente, o programa remove qualquer trava colocada pelas fabricantes no processador, assim como em um overclock. Entretanto, é preciso ter cuidado na hora de utilizá-lo, pois desbloquear o limite do processador pode fazer o componente esquentar demais, danificando a máquina a longo prazo.

No ThrottleStop, basta procurar a opção "BD PROCHOT" na página inicial e desmarcar a caixinha. Para que o software funcione, é preciso abri-lo sempre que reiniciar o computador. Se quiser facilitar o processo, basta agendar a abertura automática do programa nas configurações do Windows.

Tela do ThrottleStop
Tela do ThrottleStop
Foto: Divulgação/TechPowerUp / Tecnoblog

Caso o problema não seja solucionado por meio do ThrottleStop, recomendados atualizar a BIOS do sistema. Se isso também não resolver a falha, recomendamos buscar diretamente o suporte da Dell.

Com informações: Gustavo Gondim, Qual Notebook Comprar, Fórum da Dell, Fórum do Adrenaline.

Notebooks da Dell têm desempenho limitado ao usar fonte genérica de energia

Tecnoblog
Publicidade
Publicidade