3 eventos ao vivo

Empresa russa Mail.Ru vende US$ 525 mi em ações do Facebook

5 set 2013
17h28
atualizado às 17h45
  • separator
  • 0
  • comentários

A empresa russa de Internet Mail.Ru vendeu sua participação remanescente no Facebook por US$ 525 milhões, obtendo grande lucro em relação ao seu investimento original e pavimentando o caminho para um possível pagamento de dividendos a seus acionistas. A Mail.Ru, em parte detida pelo homem mais rico da Rússia, Alisher Usmanov, comprou uma pequena fatia no Facebook por US$ 200 milhões em 2009.

<p>Facebook abriu capital na Bolsa em maio de 2012, com ações a US$ 38, que depois tiveram queda e aos poucos se recuperam</p>
Facebook abriu capital na Bolsa em maio de 2012, com ações a US$ 38, que depois tiveram queda e aos poucos se recuperam
Foto: Getty Images

A empresa vendeu parte de sua participação na companhia americana no ano passado, e também vendeu ações que detinha no site de compras Groupon e na fabricante de jogos Zynga, como parte de uma estratégia de focar em suas operações russas.

"Isso é consistente com tudo o que eles disseram desde o IPO (oferta inicial de ações, na sigla em inglês), que esses não eram investimentos centrais e que se desfariam deles no momento apropriado, e devolveriam o dinheiro para os acionistas", disse o analista da Renaissance Capital, David Ferguson.

A Mail.Ru, que abriu capital em 2010, disse nesta quinta-feira ter vendido sua fatia remanescente de 14,2 milhões de ações do Facebook - o equivalente a menos de 1% do capital - em julho e agosto. As ações do Facebook caíram bastante após sua estreia na bolsa, em maio de 2012, a US$ 38, mas depois passaram a operar acima desse nível, subindo 53% por cento este ano.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade