5 eventos ao vivo

Mulher Maravilha 1984 vai estrear no Brasil antes que no HBO Max

Mulher Maravilha 1984 chegará aos EUA em 25 de dezembro no HBO Max; filme estreia em cinemas do Brasil uma semana antes

19 nov 2020
13h01
atualizado às 15h49
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Eu estou há anos esperando pelo lançamento de Mulher Maravilha 1984, que foi adiado diversas vezes por causa da pandemia. A Warner enfim definiu uma data para o filme estrear: nos EUA, será em 25 de dezembro através do HBO Max, sem custo adicional para os assinantes. No Brasil, onde o serviço de streaming ainda não está disponível, o longa vai chegar uma semana antes, mas somente nos cinemas.

Mulher Maravilha 1984 (Imagem: Divulgação/Warner)
Mulher Maravilha 1984 (Imagem: Divulgação/Warner)
Foto: Tecnoblog

"No Brasil, a data de lançamento oficial nos cinemas foi confirmada para o dia 17 de dezembro, com sessões antecipadas a partir do dia anterior", explica a assessoria de imprensa da Warner ao Tecnoblog. Ainda não há confirmação de quando o HBO Max chegará ao país; sabemos que o serviço vai estrear na América Latina em 2021.

Mulher Maravilha 1984, como indica o título, se passa nos anos 80, quando Diana Prince precisa lutar contra os inimigos Maxwell Lord e Mulher-Leopardo (Cheetah); ela também se reencontra com o capitão Steve Trevor, seu interesse amoroso.

A conta oficial de Wonder Woman 1984 no Twitter avisa que o filme estará "disponível no HBO Max apenas nos EUA sem custo extra"; o Disney+ cobrou US$ 30 pelo acesso antecipado ao remake de Mulan, que já está disponível para todo mundo sem pagamento adicional, inclusive no Brasil.

Wonder Woman 1984 vai estrear em cinemas no Brasil

A manobra da Warner é arriscada: em tempos normais, WW84 talvez pudesse ultrapassar US$ 1 bilhão em bilheteria; seu antecessor de 2017 chegou a US$ 821 milhões. Mas em meio a uma pandemia, é difícil depender das salas de cinema nos EUA, especialmente à medida que os casos de coronavírus voltam a disparar por lá. Los Angeles, Nova York e San Francisco representam 20% das vendas de ingressos, mas a maioria dos cinemas está fechada nessas cidades.

A própria Warner quis testar o mercado ao lançar Tenet, de Christopher Nolan, e conseguiu faturar US$ 353,7 milhões, contra um orçamento de US$ 200 milhões. Via de regra, a bilheteria precisa atingir pelo menos ao dobro do orçamento para o filme ser lucrativo, já que parte do dinheiro fica com as salas de cinema.

No Brasil, diversos cinemas já reabriram em São Paulo e no Rio de Janeiro desde outubro. As salas operam com no máximo 60% da capacidade (50% no Rio), e as poltronas ao redor são bloqueadas. O número de novos casos e mortes por coronavírus estava em uma trajetória de queda no país, mas voltou a subir em novembro.

Mulher Maravilha 1984 vai estrear no Brasil antes que no HBO Max

Veja também:

Como a Tesla fez de Musk a 2ª pessoa mais rica do mundo
Tecnoblog
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade