0

Japão envia Hello Kitty ao espaço

O projeto faz parte do esforço do primeiro-ministro, Shinzo Abe, para promover a indústria de alta tecnologia do país

14 ago 2014
09h56
atualizado às 10h51
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
<p>Uma boneca Hello Kitty de 4 cent&iacute;metros est&aacute; a bordo do sat&eacute;lite Hodoyoshi-3</p>
Uma boneca Hello Kitty de 4 centímetros está a bordo do satélite Hodoyoshi-3
Foto: Reuters

A Hello Kitty, a embaixadora de fofura do Japão, está partindo em uma missão ao espaço financiada pelo governo japonês. O projeto para colocar a gata branca com laço rosa da Sanrio em órbita faz parte do esforço do primeiro-ministro, Shinzo Abe, para promover a indústria de alta tecnologia do país e engendrar o crescimento econômico.

Uma boneca Hello Kitty de 4 centímetros está a bordo do satélite Hodoyoshi-3, olhando por uma janela para a Terra, anunciou a Sanrio nesta semana. 

O satélite, que é do tamanho de uma grande lata de lixo, foi desenvolvido por pesquisadores japoneses como parte de um programa de US$ 40 milhões (R$ 90,7 milhões) financiado pelo ministério de Educação e Ciência.

O objetivo do projeto é fazer com que mais companhias privadas se interessem em trabalhar com satélites, disse Toshiki Tanaka, pesquisador responsável pelo projeto no centro de nano-satélites da Universidade de Tóquio.

Os desenvolvedores escolheram a Sanrio como sua primeira parceira privada após avaliarem que isso pode fazer com que os muitos fãs da Hello Kitty se interessem pelo espaço, disse Tanaka.

A Hello Kitty, que completa 40 anos de criação em 2014, é a personagem mais popular da Sanrio. A gatinha sem boca se tornou um símbolo da cultura japonesa de "kawaii", ou "fofo" em tradução literal, e é usada para vender de tudo, desde bichos de pelúcia até aeronaves.

Túnel do tempo: relembre gadgets dos anos 80 e 90 Túnel do tempo: relembre gadgets dos anos 80 e 90

Veja também:

Veja como funciona a Bixby, assistente de voz da Samsung
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade