3 eventos ao vivo

Yahoo se desculpa por bloqueio a emails contra Wall Street

20 set 2011
19h18

O Yahoo pediu desculpas na segunda-feira depois que usuários foram impedidos de enviar mensagens sobre o protesto contra Wall Street no fim de semana. Muitos usuários do serviço de email reportaram que, ao tentar enviar uma mensagem sobre a ocupação perto de Wall Street, em Nova York, para protestar contra a cobiça, a corrupção e os cortes orçamentários nos Estados Unidos, um aviso dizia que o email não havia sido enviado pois uma "atividade suspeita" havia sido detectada. As informações são do site da rede de TV americana CBS.

Empresa afirmou que problema foi causado por filtro de spam externo
Empresa afirmou que problema foi causado por filtro de spam externo
Foto: Getty Images

Segundo o Yahoo, um filtro de spam externo foi o responsável pelo bloqueio das mensagens. A empresa disse que o bloqueio foi inadvertido e que o problema foi resolvido. Um porta-voz da companhia afirmou que tomou conhecimento do problema no domingo, e que não bloqueou propositadamente as mensagens.

A convocação para "ocupar Wall Street" foi feita pelo movimento anarquista Adbusters e outros grupos de esquerda pela internet, mas a polícia organizou uma grande operação e bloqueou as ruas próximas à Bolsa de Nova York, no sul de Manhattan, o que forçou os jovens a buscar outro lugar. Assim, os manifestantes passaram a primeira noite acampados em Trinity Place, a 300 metros de Wall Street.

Fonte: Terra

compartilhe

publicidade