1 evento ao vivo

Operação internacional contra rede de pedofilia prende 4 pessoas no Brasil

9 ago 2013
16h28

Quatro pessoas foram detidas nesta sexta-feira em quatro cidades do sudeste do país durante uma operação internacional contra uma rede de pedófilos que também mobilizou as polícias de Argentina, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, Espanha, Uruguai e Venezuela.

As detenções foram realizadas em São Paulo, Itaquaquecetuba e Santo André (SP) e Nova Iguaçu (RJ), segundo um comunicado da Polícia Federal (PF).

Os agentes federais cumpriram dez ordens de busca e apreensão em residências de pessoas acusadas de transmitir imagens de pornografia infantil em uma rede internacional através da internet.

Os presos foram acusados formalmente de posse de material com pornografia infantil enquanto a polícia investiga sua suposta responsabilidade em outros crimes.

Segundo a PF, uma das pessoas detidas estava enviando as imagens pornográficas no momento em que foi interceptada pelos agentes que participaram da chamada Operação Pureza II.

A investigação contou com a colaboração de policiais de nove países e foi iniciada há cinco meses depois que autoridades chilenas descobriram que uma organização utilizava a internet para transmitir as imagens.

A Polícia Federal se encarregou de localizar os terminais de computador que eram utilizados no Brasil para tais transmissões e de identificar os responsáveis.

Nos locais examinados, a polícia apreendeu computadores, notebooks e diversas mídias com arquivos contendo pornografia infantil.

"O próximo passo da investigação será a perícia do material apreendido para verificar se os arquivos foram oferecidos pela internet", segundo um comunicado da PF.

EFE   
publicidade