PUBLICIDADE

NetMundial: panfleto com Snowden pede fim de espionagem

Texto foi distribuído aos líderes globais antes da palestra de Dilma Rousseff

23 abr 2014 12h42
| atualizado às 12h45
ver comentários
Publicidade
Manifestantes pediram fim da vigilância global usando máscaras com o rosto de Edward Snowden
Manifestantes pediram fim da vigilância global usando máscaras com o rosto de Edward Snowden
Foto: Reuters

Antes da abertura do evento NetMundial, que acontece nesta quarta-feira em São Paulo, uma série de panfletos pedindo o fim da vigilância global do governo dos Estados Unidos está sendo distribuída com a foto do ex-analista da Agência de Segurança Nacional americana (NSA), Edward Snowden.

O papel intitulado “Fim da vigilância global e proteção da internet livre – uma mensagem para governos do mundo” lembra que Snowden revelou o esquema de colaboração entre os governos para fazer a espionagem e que a presidente Dilma Rousseff, que abriu o encontro nesta quarta-feira, condenou o esquema realizado pela agência americana.

O papel foi entregue aos representantes dos governos que estavam presentes nas primeiras fileiras da conferência.

No panfleto, é solicitado aos governos que adotem sistema similar ao Marco Civil da internet brasileira, com pontos que abordem a neutralidade de rede e liberdade de expressão, além de tomar medidas efetivas para colocar a internet nas mãos da população e colocar fim a militarização do cyberespaço.

No fim, o documento pede para os líderes entrarem no site do NetMundial e assinarem a moção que pede o fim da vigilância norte-americana.

Ainda não foi descoberto qual organização estava distribuindo o panfleto. Os manifestantes levantaram uma faixa dizendo “Marco Civil Sim, Vigilância Não” durante o evento, e usaram a máscara com o rosto de Snowden.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade