4 eventos ao vivo

Anonymous anuncia ataque contra antiga "Escola das Américas"

13 nov 2013
16h11
atualizado às 16h31
  • separator
  • 0
  • comentários

O grupo dehackers Anonymous anunciou nesta quarta-feira uma operação contra a academia do Exército dos Estados Unidos, conhecida como "Escola das Américas" e que formou milhares de militares latino-americanos.

A "Escola das Américas", conhecida atualmente como Instituto do Hemisfério Ocidental para a Cooperação em Segurança e sediada em Fort Benning, na Geórgia, operou durante décadas na Zona do Canal do Panamá, sendo alvo de inúmeras denúncias de torturas, desaparições e golpes militares.

A cada mês novembro, milhares de ativistas realizam protestos em Fort Benning para lembrar o assassinato de seis sacerdotes jesuítas e duas empregadas, mortos em 1989 por um pelotão do batalhão Atlacatl da Força Armada de El Salvador.

Em um vídeo divulgado pelo na web, o Anonymous indica que "iniciou uma operação para destruir a Escola das Américas e toda a agenda bárbara de política externa dos Estados Unidos da qual faz parte".

O anúncio inclui um vídeo no qual se escuta a voz de uma mulher, que fala em inglês, e mostra a imagem de uma pessoa com o rosto coberto pela máscara de inspirada no rosto de Guy Fawkes, a qual se tornou famosa no mundo todo a partir do filme V de Vingança.

Os ativistas sustentam que militares graduados na Escola das Américas "instalaram a ditadura de (Augusto) Pinochet no Chile, operaram centros de tortura e assassinaram a militantes políticos".

"Em Honduras, os graduados estão agora envolvidos em uma campanha brutal de repressão dos movimentos sociais que lutam contra o regime levado ao poder por graduados da Escola que derrubaram em 2009 o governo eleito democraticamente", afirmou o grupo em comunicado.

EFE   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade