8 eventos ao vivo

Tembici lança serviço de bicicletas elétricas no Rio de Janeiro

Startup de mobilidade terá 500 veículos na capital fluminense junto ao Bike Itaú; empresa levantou aporte recente para expandir serviços e aposta em modelo de estações

25 set 2020
08h10
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A startup de micromobilidade Tembici anuncia nesta sexta-feira, 24, o lançamento de seu primeiro serviço de bicicletas elétricas com estações fixas. Em parceria com o Itaú, a empresa vai colocar 500 bicicletas elétricas nas ruas do Rio de Janeiro até o final de outubro - as primeiras poderão começar a ser usadas no sábado, 25, a partir das 7h55 da manhã.

Com velocidade de até 25 quilômetros por hora (km/h), as magrelas não terá custo extra para os usuários do serviço no início do projeto-piloto, afirma a empresa. A partir do dia 5 de outubro, os usuários cadastrados no app poderão utilizar os veículos com valor a partir de R$ 3.

Como é de se esperar, o veículo exige menor esforço do usuário - algo que a Tembici espera que ajude as pessoas a fazerem deslocamentos mais longos pelas cidades. "A implementação de bicicletas elétricas contribui para o reconhecimento da bicicleta como o modal mais eficiente para deslocamento nas cidades", afirmou o presidente executivo da empresa, Tomás Martins, em nota enviada à imprensa.

O lançamento das bicicletas elétricas também mostra os primeiros frutos do aporte recente levantado pela empresa - em junho, a Tembici levantou uma rodada de US$ 47 milhões liderada pelos grupos Redpoint eventures e Valor Capital Group. Além dos novos veículos, a empresa também pretende usar os recursos para chegar a novas cidades e contratar pessoas.

Hoje, a empresa diz ter cerca de 16 mil bikes nas cidades em que atua, realizando uma média de 80 mil viagens por dia. Além disso, a empresa diz ter hoje 800 colaboradores, sendo 250 nas áreas de tecnologia, atendimento e administração - os outros são responsáveis pela operação e manutenção dos veículos nas estações.

Veja também:

Apple Event: 3 detalhes que merecem destaque
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade