0

Motoristas da 99 terão acesso a planos de academia da Gympass

Os 600 mil parceiros da 99 poderão assinar a Gympass, com planos que custam a partir de R$ 29 e incluem atividades como natação, pilates e dança; empresas de economia compartilhada apostam em benefícios para parceiros para competir

29 out 2019
08h14
atualizado às 10h02
  • separator
  • 0
  • comentários

A partir desta terça-feira, 29, motoristas do aplicativo de transporte 99 poderão fazer planos de academia por meio de uma parceria da companhia com a Gympass, que oferece um serviço de assinaturas de atividade física para empresas. Com essa nova opção, os 600 mil motoristas da empresa no País poderão aproveitar o tempo entre uma corrida e outra para parar em uma academia mais próxima e exercitar o corpo.

"O motorista percorre vários lugares na cidade e muitas vezes não sabe em que lugar estará em determinado horário. O aplicativo da Gympass oferece capilaridade, porque o usuário escolhe a academia mais próxima de sua localização", afirma Davi Miyake dos Santos, diretor de operações da 99. Mais do que uma simples parceria entre dois unicórnios brasileiros (startups avaliadas acima de US$ 1 bi), a parceria busca remediar uma constante crítica aos apps da economia compartilhada: a de que os prestadores de serviço têm longas jornadas e poucos benefícios, resultando em baixa qualidade de vida. Não é uma iniciativa isolada: no mês passado, o iFood passou a oferecer seguro contra acidentes para seus entregadores.

O serviço estará disponível como uma opção tanto no aplicativo da 99 quanto no da Gympass. Os sistemas das duas empresas serão integrados para que seja possível reconhecer que determinado usuário é de fato um motorista ativo da 99, que realiza pelo menos uma corrida ao mês. Os descontos variam de plano para plano, mas podem chegar a até 70% - as assinaturas custam a partir de R$ 29. Além da musculação, a atividade mais populares nas academias, a Gympass oferece planos com natação, pilates, artes marciais e dança. Presente em 14 países, a Gympass tem uma rede de mais de 50 mil academias conveniadas - só no Brasil, são mais de 20 mil estabelecimentos.

Acostumada a atender grandes empresas, como Atento, Pão de Açúcar, Volkswagen e Itaú, a startup que oferece um "Netflix das academias" enxerga na parceria a chance de explorar um novo nicho. "Nunca trabalhamos nessa nova economia com essa escala, mas pode ser um mercado adicional para nós", diz Leandro Caldeira, presidente executivo da Gympass no País. "Será um desafio porque na parceria com a 99 não temos o departamento de recursos humanos de uma companhia como intermediador. Vamos falar diretamente com o usuário".

Benefício serve como estratégia para 99 no mercado

A 99 já oferece benefícios aos motoristas de sua plataforma: por meio de parcerias com outras companhias, condutores da empresa têm descontos em postos de gasolina, em cursos de faculdade, aulas de inglês, entre outros.

Oferecer esse tipo de vantagem faz parte da estratégia de uma empresa de economia compartilhada. "Além de conquistar passageiros, os aplicativos de transporte precisam atrair motoristas. Só assim é que se consegue ser um app de sucesso", afirma Paulo Furquim de Azevedo, professor de negócios do Insper, "esses benefícios também ajudam no engajamento do motorista com a empresa".

Para Furquim, o novo benefício da 99 também faz parte de um movimento de competição, já que atualmente vários aplicativos de transporte disputam o setor no Brasil, como Uber e Cabify. "Se a 99 não tivesse competição no mercado, não seria tão engajada em agradar os motoristas para eles ficarem satisfeitos com a plataforma. Concorrer por um motorista é como concorrer por um cliente", afirma o professor.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade