PUBLICIDADE

Conheça apps e sites de relacionamentos 'diferentões'

Para quem quer um relacionamento sério ou só uma aventura amorosa , existem opções para todos os gostos

14 jun 2021 16h14
| atualizado às 16h33
ver comentários
Publicidade
Dicas de aplicativos de relacionamento
Dicas de aplicativos de relacionamento
Foto: Divulgação

Dificilmente alguém fica indiferente ao Dia dos Namorados. Na internet, a data não passa despercebida por sites e aplicativos de relacionamento, que esperam dos solteiros (e de pessoas comprometidas, é claro) maior aumento de acessos no mês de junho.

Para quem ainda não conseguiu aquele "cobertor de orelha" (ou quer escapar dele), há aplicativos e sites para todos os tipos de gostos: pais e mães solo que têm criança para cuidar, pessoas acima de 50 anos de idade, escapadinhas extraconjugais, relacionamentos "sugar" e até de sexo a três.

Confira a lista abaixo:

Single Parent Meet: para pais e mães solo

O Single Parent Meet pertence ao Match Group (também dono das marcas Tinder e OKCupid) e é exclusivo para pais e mães solo, que criam as crianças sozinhos. A plataforma existe nos EUA desde 2000 e funciona igual aos outros produtos da Match, analisando por meio do perfil dos usuários quais são as pessoas mais próximas geograficamente com gostos e características similares. No Brasil, está disponível na Play Store.

Our Time: relacionamento na melhor idade

O Our Time é outro site do Match Group, mas desta vez para "quem entende o que é ter mais de 50 anos". A plataforma pretende celebrar esse período da vida das pessoas com um novo amor. Nascido diretamente para a web, já tem aplicativo. O objetivo é "formar uniões maduras" baseadas em gostos que são diferentes e amadurecem com a idade. Toda hora é hora! Disponível na Play Store e App Store.

Gleeden: para a escapadinha feminina

O Gleeden é um aplicativo de encontros extraconjugais voltado para o público feminino. A proposta do Gleeden é ser uma plataforma pensada para mulheres que queiram uma experiência discreta com encontros extraconjugais, além de promover liberdade e honestidade para as usuárias.O aplicativo promete ser seguro e trabalha para garantir que os membros sejam 100% reais, sem robôs, spam ou contas falsas. Disponível na App Store e Play Store.

Universo Sugar: para adocicar a vida

A proposta do Universo Sugar é unir "sugar daddies" a "sugar babies". Não está familiarizado com os termos? O próprio site explica: "Sugar daddies são homens maduros e bem-sucedidos", enquanto "sugar babies são mulheres que gostam de conforto e segurança financeira em seus relacionamentos". A plataforma trabalha com a honestidade e tem como um dos seus objetivos "tornar a sociedade mais aberta no que diz respeito às escolhas, interesses e necessidades". Acesso somente pelo site.

Schmooze: para rir junto

Relacionar-se com quem te faz rir é um conselho bastante difundido quando se trata de relacionamentos duradouros. Esse parece ser o objetivo do Schmooze. Lançado no início deste ano, o app propõe que você esqueça as aparências. Em vez disso, foque nos seus memes favoritos e, dessa forma, conquiste o outro pelo bom humor.

Os usuários podem se interessar por tópicos específicos, como música ou viagens e até humor politicamente incorreto. Também tem espaço para pessoas que realmente amam trocadilhos. Todos são bem vindos. A rede social ainda não está disponível no Brasil.

Feeld: para três ou mais

Cansou da mesmice? O Feeld pode trazer um "tempero" a mais, digamos assim. Em outras palavras, é um app de encontros para sexo a três. Para a plataforma, o objetivo é "abrir o futuro dos laços humanos". Seja no poliamor ou no compartilhamento, no app você pode encontrar pessoas que seguem a mesma linha de pensamento, sem constrangimentos. É possível criar um perfil solo ou uma conta conjunta com com seu parceiro, parceira ou amizade colorida. Disponível nas lojas de aplicativos do Google e da Apple.

Ashley Madison: para a escapadinha

Uma plataforma que promove encontros extraconjugais, algo que parece estar em alta no Brasil, já que o País foi um dos mais ativos no app, com média de 137 mil novos cadastros por mês em 2020, diz a empresa.

A plataforma é dividida entre versões gratuitas e pagas. Para mulheres que procuram homens, o cadastro e o uso são gratuitos. Entretanto, nos outros casos, é necessário criar conta como um Membro Convidado e, em seguida, adquirir pacotes e créditos para mandar mensagens a outros perfis na plataforma. Tem nas App Store e Play Store.

Sexlog: para novas combinações

O objetivo da Sexlog é criar novas maneiras de interação entre as pessoas. O site permite organizar encontros sexuais baseados em fetiches, fantasias, swing e até realizar chamadas por vídeo. E parece ter bastante gente interessada, já a plataforma está quase atingindo 15 milhões de pessoas cadastradas. Acesso somente pelo site.

Estadão
Publicidade
Publicidade