PUBLICIDADE

Com menos poder de compra, classe C adere à diversão com apps

Números: 51% acessam principalmente apps de músicas e os serviços de streaming.

17 abr 2022 01h00
ver comentários
Publicidade
Foto: Adobe Stock

Para a Classe C, o entretenimento se torna cada vez mais digital e low cost. Essa é uma constatação da pesquisa “Não Somos Todos Iguais” feita pela Consumoteca a pedido da 99Pay, carteira digital da empresa de tecnologia ligada à mobilidade e conveniência. O estudo mostra ainda que, entre os sites e apps mais acessados pela classe, 44% são direcionados aos jogos, 51% a apps de músicas e 56% a serviços de streaming, tornando o celular a principal ferramenta de lazer.

Mas não é de hoje que as pessoas se divertem com o celular. Apesar da diversão mobile não ser uma novidade, ela se torna a única opção para muitas pessoas, como apontado no estudo. Um lazer restrito ao uso de aplicativos pelo baixo custo e fácil acesso.

Ainda de acordo com pesquisa encomendada pela 99Pay, compras online no contexto de consumo de lazer, como ingressos de shows, teatro, cinema e games, apresentam uma diferença de aderência considerável entre as classes A, B e C e reflete a distância que as classes mais baixas possuem atualmente com salas de teatro ou cinema. 

42% da classe A acessa apps de ingressos de teatro, por exemplo, enquanto na classe B este número cai para 26% e na classe C, apenas 17%. Já no contexto da busca por informações sobre dinheiro em carteiras digitais, a classe A aparece com 21%, a classe B com 18% e a classe C com 19%.

“Ao mesmo tempo que as telas trazem possibilidades infinitas de educação, de interação e perspectivas até de trabalho, a pesquisa nos mostra que, por conta da redução do poder de compra, a classe C ficou limitada ao celular para se divertir”, afirma Clarissa Brasil, Head de Marketing e Insights para a 99Pay. “Entretanto, olhando para a busca de informações sobre dinheiro em carteiras digitais, vemos que esse distanciamento entre classes é menor, evidenciando que a busca por soluções que cuidem bem do dinheiro é igualmente procurada em todas as classes.”

A 99 está disponível em mais de 1.600 cidades em todo o Brasil e pode ser usada gratuitamente e sem burocracia, bem como o app da 99Pay com interface focada na Geração Z, que apresenta serviços distintos dos já oferecidos dentro do app da 99, como transações em bitcoins, transferências, compartilhamento de mensagens e fotos, comentários e emojis, como uma rede social. A carteira digital possibilita que os usuários experimentem gerenciar suas finanças de forma simples, rápida e eficiente. 

A 99Pay também oferece economia por meio de promoções, cashbacks e a lucratividade da carteira. A Pesquisa da Consumoteca foi realizada com 1.200 pessoas de todas as regiões do Brasil, abordando o relacionamento da população com as finanças. A iniciativa da 99Pay tem como objetivo identificar as reais necessidades dos usuários e, assim, seguir desenvolvendo soluções que colaborem com a organização financeira da população.

(*) HOMEWORK inspira profissionais e empreendedores a trabalhar de um jeito mais inteligente, saudável, transformador. Nosso conteúdo impacta mais de 1 milhão de usuários únicos, todo mês. É publicado no Terra e compartilhado via redes sociais, WhatsApp e newsletter. Entre pra comunidade HOMEWORK!

Homework Homework
Publicidade
Publicidade