1 evento ao vivo

China lança aplicativo para "detectar" risco de coronavírus

Utilizando dados do sistema chinês que monitora cidadãos, aplicativo poderá informar se usuário teve contato próximo com casos suspeitos ou confirmados da doença

12 fev 2020
12h49
  • separator
  • 0
  • comentários

Diante do surto que vive por conta do coronavírus, o governo da China, em parceria com a China Electronics Technology Group Corporation, desenvolveu um aplicativo capaz de mapear e informar se o usuário teve contato com pessoas ou áreas afetadas pela doença no País.

Chamado de 'close contact detector', o app utiliza o grande sistema de monitoramento de dados que o governo local mantém sobre seus cidadãos. A base de dados será fornecida pelo departamento de saúde chinês, segundo a agência de notícias Xinhua, para identificar se a pessoa precisa ficar de quarentena e avisar o serviço de saúde, por exemplo.

Para consultar a sua situação, o usuário precisa escanear um código do tipo QR, através de aplicativos como o Alipay ou a rede social WeChat. É pedido, então, o número do telefone e o número de identificação pessoal, para que a plataforma analise o usuário no banco de dados.

Aplicativo indica ao usuários se houve contato com algum caso da doença 
Aplicativo indica ao usuários se houve contato com algum caso da doença
Foto: Reprodução / Estadão

O aplicativo abrange - e avisa do risco de contaminação - pessoas que trabalham, estudam ou moram juntas com casos suspeitos ou confirmados, médicos e familiares, além de passageiros e funcionários que dividiram algum meio de transporte com esses casos.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade