4 eventos ao vivo

BC vai liberar chaves do Pix para centenas de bancos e fintechs

927 instituições financeiras poderão cadastrar chaves do Pix, incluindo grandes bancos (Santander, Itaú) e fintechs como Nubank

1 out 2020
19h50
atualizado em 2/10/2020 às 07h38
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Banco Central divulgou uma lista com as instituições financeiras que poderão cadastrar as chaves do Pix na próxima segunda-feira (5): serão 927 no total, incluindo os bancões como Itaú, Santander, Bradesco e Banco do Brasil; além de diversas fintechs como Nubank, Inter, C6 Bank, Digio e Mercado Pago.

Chaves do Pix
Chaves do Pix
Foto: Tecnoblog

A ideia das chaves do Pix é facilitar as transferências. Você poderá associar informações pessoais, como CPF, e-mail ou número de celular, a uma conta de banco. Dessa forma, basta passar apenas seu endereço de e-mail para receber transferências de outra pessoa, em vez de informar agência e conta.

Bancos e fintechs poderão obter esses detalhes de agência e conta ao consultar as chaves do Pix no DICT (Diretório de Identificadores de Contas Transacionais), uma API de código aberto. "As informações retornadas pelo DICT permitem ao pagador confirmar a identidade do recebedor, proporcionando uma experiência mais fácil e segura", explica a documentação do BC.

A partir de 5 de outubro, os bancos poderão testar todas as funcionalidades para a gestão das chaves do Pix: isso inclui o registro, remoção, alteração, reivindicação de posse e portabilidade para outra instituição financeira.

Quais bancos poderão cadastrar primeiro as chaves do Pix?

A lista do BC é intitulada "Participantes ativos para o soft open do DICT em 05/10 e aptos a entrar em produção no Pix". A tabela inclui os bancos e fintechs que poderão usar o DICT para registrar as chaves do Pix de seus clientes.

Até o momento, 617 instituições aparecem com o status "concluído". Isso inclui Bradesco, Itaú, BB e Santander — este último fez uma campanha milionária com a atriz Ana Paula Arósio para divulgar seu SX. Vale lembrar que o Pix é obrigatório para bancos com mais de 500 mil contas.

Além disso, temos centenas de fintechs como Nubank (Nu Pagamentos), Mercado Pago, Inter, C6 Bank e Sumup. Enquanto isso, PicPay, RecargaPay e Stone ainda figuram como "em andamento", mas isso deve ser questão de tempo: as instituições terão até esta sexta-feira (2) para se habilitarem.

Bradesco, Nubank, Inter e Mercado Pago já haviam aberto um pré-cadastro para registrar as chaves. Alguns recursos do Pix serão liberados em 3 de novembro; ele poderá ser usado por todos a partir do dia 16.

Atualizado em 02/10

BC vai liberar chaves do Pix para centenas de bancos e fintechs

Veja também:

Veja como funciona a Bixby, assistente de voz da Samsung
Tecnoblog
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade