0

Qualcomm diz efetivar venda caso a Broadcom aceite acordo de US$ 160 bilhões

27 fev 2018
18h03
  • separator
  • 0
  • comentários

As conversas sobre a venda da Qualcomm para a Broadcom ainda continuam acaloradas. Desta vez, a Qualcomm disse estar disposta a efetivar as negociações se a interessada na aquisição aceitar o pagamento da quantia de US$ 160 bilhões.

Qualcomm
Qualcomm
Foto: Canaltech

Essa notícia foi veiculada após duas recusas de propostas, em uma negociação inicial de US$ 130 bilhões em novembro de 2017, que foi negada em grande parte devido à alegação de que a oferta desconsidera todas as incertezas regulatórias que podem ocorrer com a fusão das duas fabricantes de semicondutores.

Na mesma ocasião, a Qualcomm disse que a oferta subestima todo o potencial da fabricante de SoCs e que só iria considerar o negócio caso a Broadcom aumentasse o valor da aquisição. Confirmando esse posicionamento, a fabricante informou nesta terça-feira (27) que está disposta a concretizar a sua venda caso a sua compradora aceite pagar US$ 160 bilhões, o que incluiria as dívidas no valor de US$ 25 bilhões.

Essa notícia chega há apenas alguns dias da reunião que discutirá, entre outros assuntos, a mudança de 11 cadeiras da diretoria da Qualcomm agendada para o dia 6 de março.

Caso a compra seja efetivada nos termos propostos pela Qualcomm, a fusão entre as companhias de semicondutores se configurará como uma das maiores aquisições do mercado tecnológico, além de elevar o patamar das companhias como a terceira maior fabricante de chips do mundo, perdendo apenas para a Intel e a Samsung.

Canaltech Canaltech
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade