0

Campus Party Brasil 2014 investirá R$ 2 milhões em startups

Open Campus impulsionará 300 startups, que terão a chance de apresentar seus projetos e buscar financiamento

11 nov 2013
15h24
atualizado às 15h44
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
As 8 mil vagas da edição 2014 já estão esgotadas
As 8 mil vagas da edição 2014 já estão esgotadas
Foto: Bruno Santos / Terra

A organização da Campus Party Brasil anunciou nesta segunda-feira novidades para a sétima edição do evento, que acontece de 7 de janeiro a 2 de fevereiro de 2014 no Anhembi Parque, em São Paulo. A festa, maior acontecimento de tecnologia, inovação, criatividade e cultura digital do mundo, distribuirá R$ 2 milhões em investimentos para startups, além de R$ 1,2 milhão em prêmios em desafios de inovação aberta. Todas as 8 mil vagas para o evento já estão esgotadas.

A Telefônica Vivo proverá na Campus Party Brasil 2014 uma conexão à internet por cabo de rede de 40 Gbps aos cerca de 8 mil participantes. Isso representa um aumento de 10 Gbps em relação à última edição do evento, que teve acesso de 30 Gbps neste ano.

A grande novidade na edição de 2014 será a Open Campus, onde 300 startups serão impulsionadas e terão a chance de apresentar seus projetos e buscar financiamento. Segundo a organização, R$ 2 milhões de serão distribuídos entre as empresas selecionadas. 

Além disso, o Desafio FI-WARE terá sua final mundial na sétima edição do evento e vai distribuir R$ 1,2 milhão em prêmios. Mais de 300 mil campuseiros de todo o mundo podem participar da competição, apresentando ideias de aplicativos para uma gestão mais eficiente dos serviços urbanos, para prestação de novos e inovadores serviços que uma cidade pode oferecer aos seus cidadãos. Os projetos ainda podem propor a automatização e melhoria de processos de produção ou de uma cadeia de suprimentos, de pequenas até grandes empresas.

Bruce Dickinson foi confirmado como a primeira atração da sétima edição da Campus Party Brasil
Bruce Dickinson foi confirmado como a primeira atração da sétima edição da Campus Party Brasil
Foto: Getty Images

Magistrais
A Campus Party anunciou também os nomes de seus palestrantes magistrais na próxima edição. Marcelo Ballona, cofundador do Submarino, Leo Johnson, cofundador da Sustainable Finance Ltd, Maickel Melamed, embaixador da Boa Vontade das Nações Unidas na Venezuela, Mark Levalle, atual vice-presidente sênior de desenvolvimento de negócios e estratégia de PayPal, e Sean Carasso, empreendedor social e fundador do projeto Falling Whistles, campanha pela paz no Congo participarão do evento.

Completa a lista o vocalista da banda Iron Maiden, Bruce Dickinson, anunciado em setembro. Além de músico, Dickinson é um grande expoente do empreendedorismo e da criatividade empresarial.

O evento
A Campus Party Brasil é uma das maiores festas de inovação, tecnologia e cultura digital do mundo. A última edição aconteceu entre 28 de janeiro e 3 de fevereiro no Anhembi Parque, em São Paulo. Na Arena do evento, 8 mil pessoas tiveram acesso à internet de alta velocidade e a mais de 500 horas de palestras, oficinas e workshops em 18 temáticas, que vão desde mídias sociais e empreendedorismo até robótica e biotecnologia. Cinco mil desses campuseiros passaram a semana acampados no local.

A 6ª edição trouxe ao Brasil nomes como o astronauta Buzz Aldrin, um dos primeiros homens a pisar na Lua, e o fundador da Atari, Nolan Bushnell. Além de São Paulo, a Campus Party também teve no ano passado a primeira edição em Recife (PE). O evento acontece ainda em países como Colômbia, Estados Unidos, México, Equador e Espanha, onde nasceu em 1997.

Nas edições brasileiras anteriores, o evento trouxe ao País nomes como Tim Berners-Lee, o criador da Web; Kevin Mitnick, um dos mais famosos hackers do mundo; Al Gore, ex-vice-presidente dos Estados Unidos; Steve Wozniak, que fundou a Apple ao lado de Steve Jobs; e Kul Wadhwa, diretor-geral da fundação Wikimedia, que mantém a Wikipédia.

Veja também:

Veja como funciona a Bixby, assistente de voz da Samsung
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade