1 evento ao vivo

Aston Martin lançará simulador de corrida… por US$ 74 mil!

Conheça o AMR-C01, um cockpit/simulador de corridas que será lançado pela Aston Martin e que visa passar a sensação de pilotarmos o hiperesportivo Valkyrie Aston Martin lançará simulador de corrida… por US$ 74 mil!

15 set 2020
07h44
atualizado às 10h22
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Um dos maiores sonhos dos apaixonados por carros e que gostam de videogames é poder montar o melhor simulador possível. Um equipamento que faça com que as corridas virtuais lhes passem a sensação de estarem pilotando um automóvel de verdade e será para essas pessoas (e que tenham bastante dinheiro para gastar) que a Aston Martin disponibilizará um novo brinquedinho.

Aston martin AMR-C01
Aston martin AMR-C01
Foto: Meio Bit

Batizado como AMR-C01, ele será um equipamento criado em conjunto com a empresa Curv Racing Simulators e que em vários aspectos aproveita a experiência da fabricante inglesa em criar esportivos de luxo. Feito com uma carcaça de fibra de carbono, o que mais chama a atenção é a posição do assento, já que ele foi pensado para imitar o que o motorista encontra no Aston Martin Valkyrie, um hiperesportivo que no mundo real vem equipado com motor V12 e 1.013 cavalos.

Além disso, a parte frontal do conjunto ainda conta com a grade característica dos carros da Aston Martin e assim como acontece com todos os veículos que sai de sua fábrica, cada AMR-C01 será montado a mão. Por fim, vale citar que o homem responsável pela Curv é o piloto Darren Turner, que há 20 anos vem trabalhando na criação de simuladores de Formula 1.

"Isso foi um desafio para a equipe de design, pois embora o simulador não seja um carro, ele é inspirado em nossos carros de corrida," explicou o diretor de criação da Aston Martin, Marek Reichman. "Ele precisava exalar a mesma elegância, ostentando as mesmas linhas dinâmicas e equilíbrio de proporções de qualquer Aston Martin com linhagem de corrida. Posso imaginar o AMR-C01 nas mais belas das residências como uma obra de arte escultural por si só."

E quando o Sr. Reichman fala "nas mais belas das residências", ele não está exagerando. A previsão é de que apenas 150 unidades do simulador sejam construídas, o que fará dele algo que pouquíssimas pessoas no mundo terão a oportunidade de experimentar. Mesmo porque, os abastados que puderem investir na aquisição de um precisarão desembolsar US$ 74 mil dólares, o que na conversão de hoje daria algo em torno de R$ 390 mil!

Quanto ao equipamento que fará com que esta belezinha ganhe vida, infelizmente ele não foi revelado, mas imagino que deva ser uma máquina bastante poderosa. A única menção feita à parte de jogos foi a confirmação de que o simulador virá equipado com o excelente Assetto Corsa (assim mesmo, não falaram sobre a versão mais recente, a Competizione). De qualquer forma, imagino que adicionar outros títulos ou alterar a configuração do computador não será um problema para aqueles comprarem o AMR-C01.

Aston Martin AMR-C01
Aston Martin AMR-C01
Foto: Meio Bit

Quanto a este interesse da Aston Martin pelos simuladores, ele teve início enquanto a marca desenvolvia o Valkyrie em parceria com a Red Bull, com as mudanças no design podendo ser testadas no ambiente controlado das pistas virtuais. A empresa então notou o aumento no interesse das pessoas por títulos de corrida durante a pandemia do coronavírus, já que inúmeras provas marcadas para acontecerem no mundo real tiveram que ser canceladas e/ou foram transferidas para competições de eSports.

Da NASCAR à Formula 1, durante semanas pilotos profissionais de todo o mundo participaram de provas realizadas em jogos que simulam as modalidades, fazendo com que alguns fãs percebessem a existência desses títulos. Talvez entre eles estejam alguns milionários dispostos a gastarem uma pequena fortuna na aquisição do AMR-C01, nem que seja só para causar inveja aos amigos que visitarem suas mansões.

Fonte: Autocar

Veja também:

Veja como funciona a Bixby, assistente de voz da Samsung
Meio Bit
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade