PUBLICIDADE

Após testes, FedEx mira ganhar escala em veículos elétricos

21 jun 2022 17h55
| atualizado em 22/6/2022 às 09h22
ver comentários
Publicidade

A FedEx tem 150 caminhões de entrega da BrightDrop de emissão zero circulando pelas ruas de Los Angeles, à medida que supera a etapa de testes com veículos elétricos.

A parceria com a BrightDrop, unidade da General Motors, põe a FedEx rumo à sua meta de em 2030 adquirir apenas veículos elétricos para coleta e entrega de encomendas.

A FedEx Express, que tem uma frota global de cerca de 87 mil veículos, não disse quantos caminhões compra a cada ano.

"Você começa com muitos projetos científicos", disse Russ Musgrove, diretor de veículos globais da FedEx Express, que tem um total de 2,5 mil caminhões BrightDrop encomendados.

A FedEx Express sofreu um revés no ano passado com o fracasso da startup Chanje, que deveria fornecer à FedEx 1.000 caminhões elétricos de entrega. Agora, a BrightDrop trouxe seus caminhões ZEVO 600 para o mercado em apenas 20 meses, disseram executivos da BrightDrop à Reuters.

Reguladores estão pressionando as empresas de transporte para reduzir as emissões de CO2, dentro dos esforços para combater mudanças climáticas.

O setor de transporte dos EUA responde por mais de um terço das emissões de gases de efeito estufa do país. Caminhões pesados e médios representam menos de 5% dos veículos nas estradas, mas produzem mais de 20% das emissões do setor, segundo o Departamento de Energia.

FedEx, United Parcel Service, Amazon e Walmart estão entre as empresas que lideram mudança para as frotas de veículos elétricos, à medida que a tecnologia de baterias evoluiu para atender às necessidades das suas rotas.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade