3 eventos ao vivo

Amazon cria site para vender produtos feito em impressão 3D

Os produtos feitos em impressora 3D custam entre US$ 9 e US$ 100

28 jul 2014
09h44
atualizado às 12h23
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Novo site negocia produtos feitos em impressora 3D como bijuterias e utensílios para casa
Novo site negocia produtos feitos em impressora 3D como bijuterias e utensílios para casa
Foto: Amazon / Reprodução

A Amazon oferecerá serviços de impressão 3D que permitirão que consumidores comprem, montem e personalizem brincos, bonecos e outros produtos. A maioria dos mais de 200 itens disponíveis na nova loja de produtos de impressão 3D da companhia, lançada nesta segunda-feira, podem ser personalizados usando um recurso que permite que os usuários girem e alterem o item que estão visualizando.

Antes que seja impresso por um dos vendedores da Amazon, os usuários podem personalizar um produto como um boneco mudando a cor da pele e dos olhos, o estilo de penteado e a roupa, de acordo com a Amazon.

“A entrada de nossa loja de produtos feitos em impressora 3D sugere o começo de uma mudança no varejo online – que manufatura pode ser mais ágil para fornecer uma experiência mais imersiva”, disse Petra Schindler-Carter, diretora de vendas da Amazon Marketplace em um documento destinado à imprensa. “Os vendedores junto com os designer e fabricantes podem oferecer um estoque mais dinâmico para clientes personalizarem e até fazerem seus próprios (produtos)”.

Os produtos feitos em impressora 3D custam entre US$ 9 (R$ 20) e US$ 100 (R$ 223).

A Amazon, que tem mais de 240 milhões de usuários, ampliou sua divisão de mercados para incluir novas áreas como arte e vinhos. Isso faz parte do investimento maior da Amazon em novas áreas, como serviços móveis e conteúdo original, que levou ao prejuízo pior que o esperado no segundo trimestre, divulgado na semana passada.

Túnel do tempo: relembre gadgets dos anos 80 e 90 Túnel do tempo: relembre gadgets dos anos 80 e 90

Veja também:

Veja como funciona a Bixby, assistente de voz da Samsung
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade