PUBLICIDADE

#7: O que é real e o que é ficção em ‘Nada Ortodoxa’?

Série da Netflix reconta história de jovem que abandona comunidade hassídica em busca do seu lugar no mundo

29 mai 2020 09h00
| atualizado em 12/8/2021 às 17h56
ver comentários
Publicidade

A comunidade hassídica dos Satmar de Wellington, nos Estados Unidos, e a história de Esther Shapiro (Shira Haas) de ‘Nada Ortodoxa’, série da Netflix, é a sugestão e o tema de debate da sétima edição do Depois dos Créditos desta quinzena. 

Shira Haas em 'Nada Ortodoxa' (2020)
Shira Haas em 'Nada Ortodoxa' (2020)
Foto: IMDB / Reprodução

Neste episódio, falamos sobre o que é real e o que é ficção na série que foi baseada no livro Unorthodox: The Scandalous Rejection of My Hasidic Roots, de Debora Feldman, que serviu de inspiração para a protagonista Esty. Debatemos também sobre os pontos positivos e negativos da série, além de conversar com o professor dr. Bruno Szlak, pesquisador do Centro de Estudos Judaicos da USP e especialista na pesquisa dos diferentes  tipos de representação dos ortodoxos no cinema e nos seriados.  

Ainda neste podcast, confira mais sugestões de séries, documentários e livros sobre o mundo dos ortodoxos. Depois dos Créditos tem reportagem, apresentação e edição de Larissa Godoy e Luiza Leão

Listen to "Depois dos Créditos #07 |O que é real e o que é ficção em ‘Nada Ortodoxa’?" on Spreaker.

Escute edições anteriores do 'Depois dos Créditos'

Listen to "Depois dos Créditos" on Spreaker.

Fonte: Equipe portal
Publicidade
Publicidade