2 eventos ao vivo

UE prorrogará controle de exportação de vacinas contra Covid até junho, dizem fontes

4 mar 2021
10h36
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A União Europeia está planejando prorrogar seu esquema de autorização de exportações de vacinas contra Covid-19 para o final de junho, disseram duas fontes do bloco à Reuters nesta quinta-feira, uma medida que pode redespertar tensões com países que dependem de doses feitas na UE.

Vacina contra Covid-19 é aplicada em paciente em Madri
04/02/2021 REUTERS/Sergio Perez
Vacina contra Covid-19 é aplicada em paciente em Madri 04/02/2021 REUTERS/Sergio Perez
Foto: Reuters

O mecanismo foi criado no final de janeiro em reação aos anúncios dos fabricantes de vacinas contra Covid-19 sobre atrasos nas entregas ao bloco.

Ele deve vencer no final de março, mas a Comissão Europeia quer prorrogá-lo até junho, disseram as duas autoridades.

"A Comissão proporá sua prorrogação até junho. E isto foi recebido pelos Estados-membros com aprovação, não necessariamente entusiasmo, mas existe a sensação de que ainda precisamos deste mecanismo", disse um diplomata veterano da UE.

A segunda autoridade acrescentou que, em uma reunião de diplomatas do bloco na quarta-feira, muitos países apoiaram a medida, incluindo os pesos-pesados Alemanha e França.

A Comissão Europeia não estava disponível de imediato para comentar.

O primeiro-ministro italiano, Mario Draghi, também pediu sanções a empresas que não respeitarem suas obrigações contratuais com a UE.

Quando o mecanismo de controle de exportações do bloco foi adotado, provocou revolta em países importadores que temem que seus suprimentos de vacina possam ser prejudicados.

Conforme o esquema, as empresas precisam de uma autorização para exportar vacinas contra Covid-19, e podem ter seus pedidos de exportação negados se não respeitarem os compromissos de suprimento com a UE.

Veja também:

Como foi o casamento real de Elizabeth e Philip em 1947
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade