0

EUA firmam acordo de US$1,5 bi com a Moderna por 100 mi de doses de potencial vacina da Covid-19

11 ago 2020
19h15
atualizado em 12/8/2020 às 19h15
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Os Estados Unidos entraram em um acordo com a farmacêutica Moderna Inc para adquirir 100 milhões de doses de sua potencial vacina para a Covid-19 por cerca de 1,5 bilhão de dólares, anunciaram a empresa e a Casa Branca nesta terça-feira. 

Sede da Moderna Therapeutics, em Cambridge, Massachusetts
18/5/2020   REUTERS/Brian Snyder
Sede da Moderna Therapeutics, em Cambridge, Massachusetts 18/5/2020 REUTERS/Brian Snyder
Foto: Reuters

Nas últimas semanas o governo norte-americano fez acordos para adquirir centenas de milhões de doses de potenciais vacinas para a Covid-19 de diversas empresas como parte do programa Operação Warp Speed (Velocidade de Dobra), que tem o objetivo de disponibilizar uma vacina no país até o final do ano. 

O preço por dose da Moderna é de cerca de 30,50 dólares por pessoa em um regime de duas doses. 

Com a exceção do acordo com a AstraZeneca, que ofereceu um preço mais baixo por medicamento em troca da cobertura de custos de pesquisa e desenvolvimento de forma antecipada, todos os acordos precificam as vacinas da Covid-19 entre 20 e 42 dólares para um tratamento com duas doses por pessoa. 

A candidata à vacina da Moderna, chamada mRNA-1273, é uma das poucas que já avançaram para o estágio final de testes e deve ser completada em setembro, segundo anunciou a empresa neste mês. 

O acordo dos EUA com a Moderna pagará o valor total apenas se a farmacêutica atingir alguns requisitos cronológicos não específicos para a entrega da vacina. 

Veja também:

Covid-19, gripe ou resfriado? Confira os sintomas
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade