3 eventos ao vivo

Três mexicanos e um suíço são feridos à faca em destino turístico da Jordânia

6 nov 2019
17h12
  • separator
  • 0
  • comentários

Três turistas mexicanos e um suíço foram feridos, juntamente com quatro moradores da Jordânia, nesta quarta-feira, quando um homem realizou um ataque violento em Jerash, um importante destino turístico do país, próximo às antigas ruínas romanas, afirmou o ministro da Saúde.

Ferido em ataque na Jordânia é levada a centro médico em Amã
06/11/2019
REUTERS/Muhammad Hamed
Ferido em ataque na Jordânia é levada a centro médico em Amã 06/11/2019 REUTERS/Muhammad Hamed
Foto: Reuters

Quatro dos feridos tiveram ferimentos de moderados a graves, e os outros leves, disse Saad Fayez Jaber à Reuters.

Mais tarde, Jaber disse à agência de notícias estatal Petra que a condição dos feridos seria, agora, estável e pelo menos quatro das vítimas provavelmente receberiam alta do hospital na quinta-feira.

A polícia identificou o suspeito como Mohammad Abu Touaima, de 22 anos, e disse que ele morava em uma casa improvisada na periferia da cidade, próxima de um campo pobre de refugiados palestinos, onde o desemprego é comum entre muitos jovens da região.

"Eu estou prestes a sofrer um ataque cardíaco", disse o pai do suspeito, Mahmoud, de 56 anos, à TV Reuters. "Meu filho é um perdedor e sua mente está distorcida, mas ele tinha medo de matar até um pintinho. Estou chocado que tenha feito isso."

Jerash é famoso por suas ruínas romanas. A Jordânia sofreu um aumento no turismo nos últimos dois anos e é considerada pelos operadores turísticos como um dos destinos turísticos mais seguros do Oriente Médio. Ataques a turistas estrangeiros têm sido raros

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade