PUBLICIDADE

Sobrinho do Papa corrige fala e diz que cunhado foi agredido

Carlos David Muro foi alvo de agressão de grupo criminoso

23 set 2021 15h05
ver comentários
Publicidade

O sobrinho do papa Francisco, José Bergoglio, corrigiu a informação divulgada pela imprensa argentina e disse que foi seu cunhado, Carlos David Muro, quem foi agredido durante um ataque à sede da ONG Haciendo Lío.
    Em entrevista ao "Primer Plano", Bergoglio afirmou que ele "era o objetivo do ataque", mas que no momento da invasão, os cinco agressores só encontraram Muro na instituição. .
   

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade