PUBLICIDADE

Reino Unido prende outros 2 suspeitos de sequestro nos EUA

20 jan 2022 13h26
| atualizado às 13h47
ver comentários
Publicidade

A polícia antiterrorismo do Reino Unido prendeu nesta quinta-feira (20) dois suspeitos de ligação com o sequestro em uma sinagoga de Colleyville, nos Estados Unidos.

Entrada de sinagoga alvo de ataque em Colleyville
Entrada de sinagoga alvo de ataque em Colleyville
Foto: EPA / Ansa - Brasil

Os homens foram detidos nas cidades de Birmingham e Manchester, na Inglaterra, mas a polícia não deu mais detalhes sobre eles.

No último domingo (16), dois adolescentes já haviam sido presos no Reino Unido, mas acabaram liberados sem acusações.

O sequestro foi cometido pelo cidadão britânico Malik Faisal Akram, de 44 anos, que acabou morto pelas forças de segurança americanas.

Akram chegou a ser investigado em 2020 pelo MI5, serviço de inteligência do Reino Unido, porém o caso foi encerrado devido à falta de evidências de que ele fosse uma ameaça.

No fim de semana, o FBI disse que não havia nenhum indício de participação de outros indivíduos no sequestro, que foi definido pelo presidente Joe Biden como um "ato de terrorismo".

Akram exigia a libertação da paquistanesa Aafia Siddiqui, neurocientista condenada a 86 anos de prisão nos EUA sob a acusação de tentar matar militares americanos no Afeganistão, mas não se sabe qual era a ligação entre os dois.

Todos os quatro reféns foram libertados sãos e salvos.

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade