0

Pandemia mostrou importância da imprensa, diz papa Francisco

Pontífice afirmou que a missão da mídia é "essencial"

30 jun 2020
11h05
atualizado às 12h44
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Em uma mensagem enviada a jornalistas de veículos católicos, o papa Francisco afirmou que a pandemia do novo coronavírus demonstrou a importância da imprensa para "unir as pessoas" e "abrir os corações para a verdade".

Papa Francisco celebra audiência geral no Vaticano
Papa Francisco celebra audiência geral no Vaticano
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

A mensagem foi enviada à Associação da Imprensa Católica (CPA, na sigla em inglês), que promove uma conferência virtual entre os dias 30 de junho e 2 de julho.

"A experiência dos últimos meses demonstrou o quanto é essencial a missão da imprensa para manter as pessoas unidas, reduzindo as distâncias, fornecendo as informações necessárias e abrindo as mentes e corações para a verdade", escreveu Francisco.

Na mensagem, o Papa também presta homenagem "aos que foram atingidos pelo vírus e àqueles que, mesmo arriscando a própria vida, continuam se empenhando para ajudar nossos irmãos e irmãs no momento de necessidade".

De acordo com o líder católico, o mundo precisa de veículos de imprensa capazes de "construir pontes, defender a vida e derrubar os muros, visíveis e invisíveis, que impedem o diálogo sincero e a verdadeira comunicação entre as pessoas e a comunidade".

"Precisamos de uma imprensa que ajude as pessoas, sobretudo os jovens, a distinguir o bem do mal, a elaborar juízos corretos, baseados em uma apresentação clara e imparcial dos fatos, e a compreender a importância de se empenhar pela justiça, pela concórdia social e pelo respeito à casa comum", acrescentou.

Além disso, o Papa pediu para a imprensa "olhar para o sofrimento e os pobres" e "dar voz" aos que precisam de "misericórdia e compreensão".

Veja também:

China responderá a sanções dos EUA
Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade