0

Johnson & Johnson iniciará testes em humanos de vacina contra coronavírus até setembro

30 mar 2020
09h32
atualizado às 09h35
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A Johnson & Johnson planeja iniciar os testes em humanos de sua vacina experimental contra o coronavírus até setembro e prepará-la para uso emergencial no início de 2021, informou a empresa nesta segunda-feira.

Logo da Johnson & Johnson na Bolsa de Valores de Nova York
17/09/2019 REUTERS/Brendan McDermid
Logo da Johnson & Johnson na Bolsa de Valores de Nova York 17/09/2019 REUTERS/Brendan McDermid
Foto: Reuters

A J&J também comprometeu mais de 1 bilhão de dólares em investimentos, juntamente com a agência norte-americana Biomedical Advanced Research and Development Authority (Barda), para cofinanciar a pesquisa de vacinas, ampliando uma colaboração anterior.

Esforços globais estão em andamento para desenvolver uma vacina para o vírus que matou mais de 34 mil em todo o mundo, mas especialistas alertaram que pode levar mais de um ano para que a vacina esteja pronta.

Um paciente recebeu um estágio inicial da vacina da Moderna no início deste mês, tornando-a a principal candidata na corrida a desenvolver uma vacina viável.

A J&J disse em janeiro que começou a trabalhar em uma possível vacina para o coronavírus, usando as mesmas tecnologias usadas para fazer sua vacina experimental contra o Ebola.

Veja também:

"Ele poderia ter sido George Floyd", diz mãe ao lado de filho em protesto
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade